Árvore ameaçando queda na estrada que liga Campinho à BR-262 é cortada pelo Corpo de Bombeiros

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Marechal Floriano realizou na tarde de ontem (27) o corte de uma árvore que ameaçava desabar no meio da Rodovia Ludovico Carlos Guilherme Wruck, conhecida pelos motoristas como “Estrada Velha de Campinho”, que liga a Rodovia BR-262 à sede de Domingos Martins. Filas intensas se formaram, mas os bombeiros trabalharam com eficácia e rapidez.

Árvore ameaçando queda na estrada que liga Campinho à BR 262 é cortada pelo Corpo de Bombeiros 3Para efetuar o corte da árvore os bombeiros usaram motosserras e cordas para promover a segurança, e paralisaram temporariamente o tráfego total de veículos na antiga estrada com três quilômetros de extensão, preferida pelos moradores de Marechal Floriano e Domingos Martins por aproximar mais a viagem entre as duas cidades.

Ontem, novamente, os bombeiros agiram com agilidade, bloquearam somente um dos lados da pista e usaram o sistema pare e siga, isentando desse modo qualquer ameaça de colisão, já que a via é bastante movimentada.

O locutor Nielson Stein, que estava na fila seguindo para Campinho no seu carro de sonorização, disse que a segurança no trabalho do corte da árvore foi um dos pontos altos. “Quando precisava fechar a pista eles fizeram isso, mas em seguida oportunizaram a todos os motoristas na fila as passagens onde trabalhavam no corte da árvore”, disse.

O comerciante Cláudio Christ, que sempre segue pela Estrada Velha para Campinho, comentou que o trabalho dos bombeiros como sempre foi perfeito, principalmente no momento de fechar o trânsito. “Foi por pouco tempo e sem perigo algum para os usuários da antiga via”, disse.