LNF: Magnus supera Foz Cataratas e vai à final pelo 3º ano seguido

Publicado em 29/11/2021 às 21:50

Compartilhe

© Guilherme Mansueto/Magnus Futsal/Direitos Reservados


O Magnus Sorocaba está mais uma vez na final da Liga Nacional de Futsal (LNF). Nesta segunda-feira (29), a equipe paulista derrotou o Foz Cataratas por 5 a 1 na Arena Sorocaba (SP) e decidirá o título pela quinta vez em oito anos de existência, sendo a terceira seguida. Na partida de ida, em Foz do Iguaçu (PR), há oito dias, transmitida ao vivo pela TV Brasil, os times empataram por 1 a 1.

O adversário do Cachorrão será outro paranaense, o Cascavel, estreante em finais. No último domingo (26), a Serpente Tricolor eliminou o Carlos Barbosa na prorrogação ao vencer por 1 a 0, após ser derrotado por 4 a 1 no tempo normal. A TV Brasil exibiu o jogo ao vivo direto do ginásio do Centro Municipal de Eventos Sérgio Luiz Guerra, em Carlos Barbosa (RS).

Os paulistas construíram a maior parte do resultado no primeiro tempo. Aos três minutos, Leozinho recebeu na ponta direita e chutou cruzado, de bico, para abrir o placar. Dois minutos depois, o também ala Ricardinho aproveitou o erro do ala Neto no domínio da bola, tirou o goleiro Peixe do lance e aumentou. Aos dez, o fixo Rodrigo dominou na direita e bateu rasteiro, marcando o terceiro.

Na etapa final, o Foz se lançou ao ataque, mas cedeu espaços que o Magnus soube aproveitar. Aos quatro minutos, Rodrigo fez grande lançamento para o ala Leandro Lino, às costas da marcação, arrematar no cantinho direito. Aos 12, os visitantes descontaram com Willian, em jogada iniciada pelo também ala William Bolt, atuando como goleiro-linha, mas na jogada seguinte, o pivô Charuto completou na área o cruzamento rasteiro de Leozinho, pela direita, definindo o placar.

O Magnus se classificou à final com dez vitórias, cinco empates, três derrotas e índice técnico (média de pontos por jogo) de 1,95. O Cascavel fez a melhor campanha ao longo do campeonato: 13 vitórias, quatro empates, três derrotas e 2,15 de índice técnico. Os paranaenses terão a vantagem do mando de campo na partida de volta da final. Os dias e horários ainda serão anunciados pela LNF.

Edição: Fábio Lisboa

Veja também

© 01/09/2021/Rovena Rosa/Agência  Brasil

Covid-19: Brasil registra 259 mortes e 83,3 mil novos casos

© Érico Filipe/EBC

Queiroga diz que prioridade é ampliar vacinação contra covid-19

© Lucas Figueiredo/CBF/Direitos Reservados

Eliminatórias: Brasil inicia preparação para jogo contra Equador

© Arquivo/Valter Campanato/Agência Brasil

STF determina prisão domiciliar para Roberto Jefferson

114082

Bolsonaro troca social por eleitoral no Orçamento, dizem especialistas

© Tony Heff

Surfe: Medina anuncia que não disputará 1ª etapa do Circuito Mundial

© REUTERS/Alberto Lingria/direitos reservados

Técnico Roberto Mancini convoca brasileiros para a seleção Italiana

© Matsui Mikihito/CPB/Direitos Reservados

Coluna – Pandemia ainda desafia planejamento do ciclo paralímpico