Cruz de madeira gigantesca é fincada no piso de Aparecida em Alfredo Chaves

Uma grande cruz de madeira, denominada religiosamente por “Cruzeiro de Aparecida”, foi fincada na última semana às proximidades da Igreja de Aparecida, na localidade conhecida por “Basílio”, próxima da divisa de Marechal Floriano com Alfredo Chaves. A peça foi produzida em uma área ao lado da Igreja de Aparecida.

Cruz de madeira gigantesca fincada no piso de Aparecida Alfredo Chaves.jpgUm grande número de católicos da localidade e vizinhanças participou da produção da cruz de madeira trabalhando vários dias, e no último fim de semana houve a conclusão do serviço com o apoio de um caminhão preparado para elevar objetos pesados.

A cruz de madeira com mais de dez metros de altura, pesando cerca de duas toneladas terá ainda uma inauguração com programação religiosa após a conclusão dos acabamentos, como, principalmente a pintura.

Cruz de madeira gigantesca fincada no piso de Aparecida Alfredo Chaves.jpg 2O motorista de veículo escolar Cleomir Bubach, um dos moradores da localidade foi uma dos iniciantes e concludentes do “Cruzeiro de Aparecida”. Ele ficou satisfeito com o grande número de pessoas no local vendo o caminhão especial elevar a cruz até fincar ao solo em definitivo.

“Trata-se de um motivo de muita alegria estar trabalhando nesse dia com o objetivo religioso que é ter um cruzeiro bem próximo da nossa Igreja de Nossa Senhora Aparecida, um complemento necessário para todos que frequentam a nossa igreja”.

Para a moradora de Costa Pereira, Ermelinda Littig, a cruz de madeira é um complemento final e religioso da Igreja de Nossa Senhora Aparecida, no Basílio. “A cruz é para os católicos algo muito especial e necessário em todos os momentos de oração”, disse.

O comerciário Wagner Amaral, de Marechal Floriano, afirma que a proximidade desta cidade com Aparecida Basílio é o que há de mais sensato para o excelente convívio religioso e amigável entre os moradores. “Acho até que a localidade de Aparecida deveria pertencer a Marechal Floriano”, disse.