Uso de VPN protege dados de usuários da internet e cria barreira de proteção

Publicado em 25/08/2022 às 09:04

Compartilhe

Surfshark

Está cada vez mais comum a prática de golpes por meio de computadores e celulares. Para muitas pessoas, estar conectado a uma rede de internet é fundamental para o trabalho diário, para os estudos, para resolver questões do dia a dia, para realizar pagamentos e também para lazer e diversão. 

Entretanto, ao estar conectado a uma rede de internet, o usuário deixa uma porta aberta para o ataque de hackers, que roubam senhas e até bloqueiam aparelhos de celulares. Também é comum ver empresas tendo dados sequestrados por bandidos, que pedem dinheiro para não apagar arquivos importantes. 

Mas, o que muita gente não sabe, é que é possível ter uma conexão mais segura com a utilização VPN (Virtual Private Network), que em português significa “Rede Privada Virtual”. Por meio da VPN, todo o tráfego de dados é roteado por um túnel virtual criptografado. Isso disfarça seu endereço IP quando você usa a internet, tornando sua localização invisível para todos, além de ser uma conexão segura contra ataques externos.

Além disso, o seu Provedor de Serviços de Internet (ISP) e terceiros não podem ver quais sites você visita ou quais dados você envia e recebe on-line. Uma VPN funciona como um filtro que transforma todos os seus dados em “rabiscos”. Mesmo que alguém apreendesse dados, seria inútil. Nesse caso, os hackers e criminosos cibernéticos não podem decifrar esses dados.

Como os dados de localização demográfica vêm de um servidor em outro país, sua localização real não pode ser determinada. Além disso, a maioria dos serviços VPN não armazena registros de suas atividades. Alguns provedores, por outro lado, registram seu comportamento, mas não repassam essas informações a terceiros. Isso significa que qualquer registro potencial do seu comportamento de usuário permanece permanentemente oculto.

Sem o uso de VPN, o seu ISP geralmente configura sua conexão quando você se conecta à Internet. O serviço mantém rastreadas suas atividades por meio de um endereço IP. Seu tráfego de rede é roteado pelos servidores do seu ISP, que podem registrar e exibir tudo o que você faz on-line.

Por isso, os algoritmos – usados para identificar suas preferências e apresentar anúncios relacionados ao o que você procura, por exemplo – conseguem saber o que você pesquisa no celular ou computador, e direciona assuntos de seu interesse por meio de anúncios.  

Além disso, a VPN é especialmente importante se você se conectar regularmente a redes Wi-Fi públicas. Você nunca sabe quem pode estar monitorando seu tráfego de Internet e o que eles podem roubar de você, incluindo senhas, dados pessoais, informações de pagamento ou até mesmo toda sua identidade.

Porque usar a VPN?

– Acesse conteúdos e mantenha seus dados pessoais seguros em Wi-Fi público e em sua rede doméstica;
– Evite ataque de hackers e de criminosos;
– Tenha privacidade em suas pesquisas e sites visitados;
– Segurança ao transmitir dados importantes;
– Adicione uma camada extra de criptografia ao seu banco on-line, para que ninguém possa invadir;
– Tenha segurança ao fazer compras on-line.

Veja também

agricultura-familiar

Governo e Assembleia anunciam investimento de R$5 milhões na Agricultura Familiar

Cooperativas-de-seringalistas-debatem-desafios-da-producao-de-borracha-no-ES

Cooperativas de seringalistas debatem desafios da produção de borracha no ES

Governador-anuncia-mais-66-novos-onibus-climatizados-para-o-Transcol

Governador anuncia mais 66 novos ônibus climatizados para o Transcol

sustentabilidade-es

Projeto Semeando com Sustentabilidade receberá investimento três vezes maior

inovacoes-es

Governo do Estado apresenta ações inovadoras durante o ESX 2024

fevesu-24

Favesu 2024 leva conhecimento sobre avicultura e suinocultura a milhares de participantes

brasil-14-06-ft-Rovena-Rosa

FAB encerra neste sábado recebimento de doações ao Rio Grande do Sul

esportes-14-06-ft-go-es

Paratleta capixaba conquista prata no World Series de natação na França