Está chovendo hambúrguer!

Mario Luis Martins de Almeida , 22 Fevereiro 2018

Está chovendo hambúrguer!

A proliferação de lanchonetes especializadas em hambúrgueres me serviu de inspiração para escrever esta matéria, ainda mais que gosto muito de prepará-los e de saboreá-los.

Esta chovendo hamburguerUm desenho animado com este título conta a história de um jovem cientista que pretende acabar com a fome no mundo e cria uma fórmula que transforma moléculas de água em comida! E a água da chuva transformou-se em... hambúrgueres (que idéia...)!

coluna gastronomiaForam os imigrantes alemães, especialmente os da cidade de Hamburgo, que levaram esta preparação para os Estados Unidos da América, onde se tornou um ícone e se espalhou por todo o planeta. Desde 1836, quando o restaurante Del Monico’s, em Nova Iorque, colocou um bife de carne moída entre duas fatias de pão e o serviu como um sanduíche, bilhões de unidades já foram preparadas, comercializadas e devidamente degustadas! Naquela época os hambúrgueres eram muito baratos, chegando a ser vendidos por 10 centavos a unidade numa rede de lanchonetes norte-americana!

Estes sanduíches se tornaram tão populares que uma empresa internacional de consultoria financeira elegeu um deles, o “big mac”, produzidos por uma rede internacional de lanchonetes com filiais em muitos países, como referência de custo de vida, comparando o valor dele em cada cidade com o dos EUA...

A preparação original é com carne bovina, mas com o passar do tempo desenvolveu-se também a com carne de frango, suína, de carneiro (na Índia, por razões religiosas...), peru, peixe e, até, versões vegetarianas, de soja, grão de bico, quinua e outros.

coluna gastronomia 2O básico é feito com um disco de carne moída prensado, pesando entre 125 e 150 g, grelhado numa chapa quente, temperado com sal e coberto com uma fatia de queijo, normalmente o cheddar. É colocado entre duas fatias de um pão arredondado junto com umas folhas de alface e rodelas de tomate.

coluna gastronomia 3Com a crescente abertura de hamburguerias, a expansão das redes de fast food e a criatividade dos Chefs, estes já inventaram diversas opções para rechear os sanduíches, além, é claro, da carne: ovo estrelado, cebolas caramelizadas, queijos como o gorgonzola, de coalho ou muçarela de búfala, cogumelos refogados, fatias de bacon frito, rúcula, presunto de Parma, pickles, tomate seco, banana frita e muito mais...

coluna gastronomia 4Surgiram, mais recentemente, os hambúrgueres gourmets, mais elaborados e com cortes de carne bovina mais nobres, como a fraldinha, a costela, o filé mignon da raça Angus e a picanha. Também são mais caros, com certeza!

coluna gastronomia 6Em algumas hamburguerias pode-se escolher o pão: tradicional com ou sem gergelim, brioche, de batata, australiano (mais escuro e um pouco adocicado) e por aí vai... Também pode-se optar por diversos molhos: mostarda, catchup, iogurte temperado, chutneys diversos (aquele molho picante indiano à base de frutas e especiarias!), maionese tradicional ou temperada com alho ou ervas, barbecue (utilizado pelos americanos nos churrascos...), pesto (molho italiano preparado com manjericão, pinoli, manjericão, alho e queijo parmesão ralado, processados com azeite extra virgem!) e muitos outros!

coluna gastronomia 5Há a possibilidade, ainda, de selecionar acompanhamentos, como é de praxe servi-los, e a batata frita é a campeã! Entretanto podem ser batatas rústicas (assadas em pedaços com a casca e temperadas com sal e alecrim), batatas chips, batatas doces fritas ou chips, chips de banana, anéis de cebola empanados e fritos (os americanos chamam de onions rings), aipim frito, polenta frita, coleslaw (salada de repolho cru cortado fininho e cenouras raladas com maionese), guacamole (salada mexicana de abacate, cebola e tomate temperados com sal, suco de limão e azeite), etc...

coluna gastronomia 7Hambúrguer de peixe? Processe filés de peixe sem espinhas com cebola, alho, sal, gema de ovo, farinha de rosca e tempero verde e molde os discos. Depois empane-os à milanesa e frite-os! Substitua o peixe por peito de frango e terá um ótimo resultado também!

coluna gastronomia 8Para os vegetarianos não faltam opções: beterrabas raladas processadas com feijão e arroz cozidos temperados com salsinha e cebolinha picadas, ou batatas cozidas e processadas com cogumelos e cevada cozida temperadas com cebola e alho, ou grão de bico cozido processado com abóbora cozida, cebola e tempero verde, ou ainda quinua e batata cozidas e processadas com cenoura e cebolas raladas, tempero verde e gengibre, entre outras. Depois de moldar os discos com o auxílio de um anel metálico, frite-os um a um em azeite quente, deixando um lado até formar uma crostinha. Vire e repita para o outro lado. Recheie o pão de sua preferência, adicione folhas de alface ou rúcula e fatias de tomate, cubra com um pouco de molho de maionese ou outro que goste e aproveite!

coluna gastronomia 9Já há, também, concursos do tipo “maior hambúrguer do mundo” (mais de 75 kg!!!), “o maior comedor de hambúrguer em uma hora” (16 !!!!) ou “o hambúrguer mais caro do mundo” (R$7.500,00!!! A carne é de gado Angus, leva fois gras, trufas brancas, molho de lagosta e o pão é folheado a ouro...).

coluna gastronomiaE para beber enquanto saboreia um hambúrguer? Bom, eu prefiro uma cervejinha gelada, de preferência artesanal, mas um suco vai muito bem e, se você não estiver brigando com a balança, experimente um milk shake: bata no liquidificador um copo de leite gelado com duas bolas de sorvete, de creme ou chocolate. Coloque a mistura num copo alto onde você espalhou internamente um pouco de cobertura de chocolate, polvilhe chocolate em pó e bom proveito!

20170914071906797Até a próxima!

confira botao coluna 2

 

Histórico