GASTRONOMIA

Gastronomia

Receita de Peixe à moda Santa Catarina

Publicado em 22/03/2024 às 13:33

Compartilhe

GATRONOMIA-3

Esta receita eu aprendi e herdei de minha mãe, que passava as férias de verão dela, quando de sua juventude, na cidade de Imbituba, no estado de Santa Catarina.

É muito simples de preparar: eu utilizei postas de “budião” fresco, mas tenho feito com as de dourado, e penso que com qualquer peixe de carne firme e branca dá certo! Para cada pessoa uma posta de bom tamanho é suficiente…

Para começar temperei as postas com pasta caseira de alho e cebola, um pouco de sal e suco de limão. Deixei por uma hora e meia na geladeira, devidamente cobertas com filme plástico.

Cozinhei separadamente, em água com um pouco de sal, algumas batatas inglesas inteiras descascadas, cenouras inteiras descascadas e cebolas não muito grandes descascadas também. Uma de cada por pessoa também é suficiente!

Meia hora antes de servir transferi a água em que cozinhei as cenouras e as cebolas para outra panela e cozinhei nela as postas por uns quinze minutos, tomando cuidado para não deixá-las desmanchar!

À parte, numa panela pequena, coloquei 200 g de manteiga para derreter e deixei tostá-la até adquirir uma cor castanha: este é o segredo do molho que irá acompanhar o peixe!, que na França eles chamam de “beurre noir” (pronuncia-se “bérre noar”, manteiga escura, na língua deles…).

Na hora de servir, arrumei numa travessa, lado a lado, as batatas, as cenouras e as cebolas, assim como as postas de budião ainda bem quentes e levei-a para a mesa. Coloquei o molho numa recipiente à parte, uma “molheira”, pois cada pessoa irá se servir o quanto queira!

Preparei ainda arroz integral, mas poderia ter sido o arroz normal que também fica muito bom!

Para cada comensal dispus num prato uma posta do peixe, uma batata, uma cenoura e uma cebola, além de uma porção de arroz, e reguei tudo com o molho de manteiga. O sabor do molho de manteiga fica incrível e combina perfeitamente tanto com o peixe apenas cozido como com os legumes e o arroz!

Para beber escolhi um vinho branco, gelado, da uva “sauvignon blanc”, com sua acidez e doçura características, que harmonizou de forma brilhante!

A sobremesa foi um “cheesecake” de cajá-manga, porém este será assunto de outra publicação… Então, aguardem!

Veja também

prefeitura-de-marechal

Prefeitura de Marechal Floriano realiza audiência pública para apresentação Lei orçamentária de 2025

mundo-24-04-ft-JIM-WATSON

EUA promete enviar ajuda militar à Ucrânia nas próximas horas

politica-24-04-freepik-arma

Projeto quer estabelecer multa para crimes com arma de fogo

agro-24-04-ft-Arquivo-Paulo-Cordeiro

Agricultores familiares acessam políticas públicas de comercialização e melhoram renda com apoio do Incaper

geral-24-04-ft-div

Projeto Jovem Perito da Polícia Científica está com agenda de 2024 aberta

saude-24-04-ft-freepik

Lacen confirma circulação de Febre do Oropouche no Espírito Santo

geral-23-04-Foto-Osvaldo-Paula-Galote-Junior

Dia Mundial do Livro: leitura transformou a vida de um jovem em Domingos Martins

geral-23-04-ft-div

Programa Acredita começa hoje e prevê facilidade aos MEIs em negociação de dívidas

Últimos artigos de Gastronomia

Receita de Caldo de pinto

Receita de Frango à espanhola da Mary Joe

Receita de Peixe à moda Santa Catarina

Receita de Quibe com pinhão

Receita de Pernil suíno preparado na panela de pressão com cerveja preta