Homem admite ter matado a avó de 94 anos em confissão de ‘verdade ou desafio’

Publicado em 12/11/2021 às 19:20

Compartilhe

104872


source
Tiernan Darnton matou a avó de consideração armando um incêndio
Reprodução

Tiernan Darnton matou a avó de consideração armando um incêndio

Um britânico de 21 anos foi condenado à prisão perpétua após confessar, durante uma brincadeira chamada ‘verdade ou desafio’, ter matado durante um jogo de Verdade ou Desafio que matou sua avó de consideração (mãe de seu padrasto) — cuja morte em um incêndio era considerada acidental. As informações são da BBC .

Tiernan Darnton teria incendiado a casa de Mary Gregory em Heysham, Lancashire, em 28 de maio de 2018. A vítima de 94 anos fora encontrada sob uma mesa, presa. Chegou a ser socorrida, mas morreu após quatro dias.

Os investigadores acreditavam inicialmente que o incêndio teria sido causado por um cigarro. Em 2019, porém, a investigação foi reaberta e a polícia descobriu que Darnton confessou ser autor do crime durante uma sessão de aconselhamento.

Ele fez uma confissão semelhante várias semanas após o incêndio durante um jogo de ‘Verdade ou Desafio’, em que contou a dois amigos sobre seu “segredo mais sombrio”.

“Tenho um segredo que não contei a ninguém – posso ter matado alguém”, disse a seus amigos, acrescentando que ateou fogo porque não queria mais que sua madrasta sofresse de demência.

Leia Também

“O assassinato estava em sua mente há algum tempo”, disse a juíza Amanda Louise Yip, que condenou Darnton à prisão perpétua com um mínimo de 15 anos de prisão.

“Sua oportunidade de agir de acordo com seus pensamentos sombrios veio quando seu padrasto estava fora. Na madrugada de 28 de maio de 2018, você foi à casa da Sra. Gregory e deliberadamente começou um incêndio em um dos quartos ”, continuou.

“É difícil imaginar o horror que a Sra. Gregory deve ter sentido quando percebeu que sua casa estava pegando fogo e se enchendo de fumaça. Os vizinhos ouviram seus gritos. Apesar de sua fragilidade, ela tentou sair, mas estava presa.”

No celular e laptop de Darnton, os investigadores encontraram pesquisas na Internet feitas após o incêndio que incluíam “Eu sou um assassino”, “Eu sou um monstro e vou para o inferno” e “Eu quero causar o mal”.

Fonte: IG Mundo

Veja também

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes

107939

Subida dos juros deve provocar desaceleração na economia, diz Guedes

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil

107935

Em relatório preliminar, deputado destina R$ 16,2 bilhões para orçamento secreto

107933

Nova proposta de reforma trabalhista quer proibir motoristas de app na CLT

107931

Pais de autor de massacre em escola de Michigan são presos

107929

Biden e Putin farão reunião sobre tensões na Ucrânia

© Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Brasileiros devem redobrar cuidados no verão contra câncer de pele