Netflix pretende acabar com o compartilhamento de senhas em 2023; entenda

Publicado em 31/10/2022 às 16:23

Compartilhe

netflix-3733812_1280

Imagem de Andrés Rodríguez por Pixabay

A Netflix já deixou bem claro que não gosta quando as pessoas compartilham as suas senhas com amigos e família, e recentemente deu um prazo para a “farra” acabar: 2023. Segundo a empresa de streaming, o seu foco para o próximo ano será “fazer dinheiro”, e para isso tomará algumas medidas.

Duas das principais ações para o próximo ano serão o “compartilhamento pago” e contas com publicidade. Na medida de “compartilhamento pago”, pessoas que emprestarem sua assinatura a outras que não moram na mesma casa terão que pagar taxas extras.

Essa decisão foi tomada após os resultados do início deste ano, quando a Netflix perdeu um milhão de clientes no mundo inteiro em apenas três meses. Isso fez com que a empresa fizesse algumas mudanças e, neste mês de outubro, anunciasse 2,4 milhões de novos assinantes no último trimestre.

Para 2023, ela quer continuar com a aquisição de novos clientes e colocar em prática a monetização do compartilhamento de contas de forma mais ampla. O lado bom para quem não faz questão de uma assinatura no serviço de streaming é que há opções muito mais acessíveis de entretenimento, seja com os serviços de outras empresas ou com os jogos online como os que são avaliados pelo cassinos.info. Essas plataformas oferecem bônus de cassino online para novos jogadores, que além de se divertir com centenas de opções de jogos ainda podem ganhar dinheiro caso tenham sorte.

‘Membro extra’

A Netflix já começou a testar em alguns países a medida chamada de ‘Membro extra’, que cobra uma taxa adicional de assinantes que dividem a sua conta com outras pessoas em outra residência. Essa taxa extra começou a ser testada em março, sendo implantada no Chile, Peru e Costa Rica. Nos próximos três meses, ela deve começar a chegar para todos os outros países, inclusive Brasil.

A depender do local, a taxa pode ficar entre US$ 2,12 (aproximadamente R$ 11) e US$ 3 (aproximadamente R$ 15) adicionais. Ainda não se sabe o valor para o Brasil.

Conta com anúncios

No comunicado, a Netflix também confirmou as datas de lançamento do seu novo plano pago com propagandas. Ele será liberado para o Brasil, Estados Unidos, Itália, Austrália, Alemanha, França, Japão, Coreia e o Reino Unido a partir desse dia 3 de novembro. Por aqui, ele começa custando R$ 18,90, mais barato do que o plano básico, já nos EUA o valor será de US$ 6,99.

Mesmo com o plano mais acessível, usuários perderão o acesso a conteúdos específicos. Será uma média de 4 ou 5 propagandas por hora, com uma duração que irá variar entre 15 ou 30 segundos. O acervo terá menos filmes e séries do que dos outros planos, e a qualidade dos conteúdos liberados para esse plano será até HD (720p).

Planos da Netflix

Até agora, os planos da plataforma de streaming são:

  • Básico: R$ 25,90/mês, apenas uma tela com qualidade de vídeo de até 480p.
  • Padrão: R$ 39,90/mês, duas telas simultâneas com qualidade de vídeo de até 1080p (FullHD).
  • Premium: R$ 55,90/mês, até quatro telas simultâneas com qualidade de vídeo de até 4K+HDR.

Migração de perfil

Mais uma novidade anunciada recentemente foi a implementação de uma ferramenta de migração de perfil. Com essa atualização, será possível fazer a transferência de perfil entre assinaturas, facilitando a criação de novas contas para quem está saindo de uma assinatura compartilhada, por exemplo. Isso se alia às novas regras, já que muitas pessoas usavam a conta de amigos ou família e agora precisarão ter uma nova conta, caso não queiram pagar as taxas.
Dessa forma, o perfil pode ser levado para outra conta com todo o histórico, listas, jogos e até mesmo o episódio que está sendo assistido nas séries. Com isso, a empresa mostra que está tentando fazer uma transição mais amigável para o fim do compartilhamento de senhas, já marcado para janeiro de 2023.

Veja também

Mulher-cai-no-rio

Mulher cai no rio Jucu após ouvir chamado de amiga falecida em Marechal Floriano

CRAS-DM

CRAS de Domingos Martins promove revisão cadastral para famílias de baixa renda

Ultimos-dias-para-inscricao-de-trabalhos-cientificos-academicos-na-Favesu-2024

Últimos dias para inscrição de trabalhos científicos acadêmicos na Favesu 2024

silvicultura

Mecanização é o caminho para a produtividade na silvicultura

Corpo-de-mulher-encontrado-em-MF

Corpo de mulher é encontrado próximo ao Rio Jucu em Marechal Floriano

copa-futsal-feminino

Copa Verde de Futsal Feminino movimenta região das Montanhas Capixabas neste fim de semana

projetos-esportivos-dm

Projetos sociais esportivos em Domingos Martins oferecem vagas para crianças e jovens de 6 a 16 anos

dengue-em-mf-1

Marechal Floriano entra em alerta de alto risco com mais de 100 casos de dengue notificados