Governo reduz conta de luz dos mais pobres em novembro; veja regras

Publicado em 30/10/2021 às 10:20

Compartilhe

102839


source
Conta de luz terá alívio em novembro para os mais pobres
Fernanda Capelli

Conta de luz terá alívio em novembro para os mais pobres

Os brasileiros que recebem o benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica pagarão bandeira tarifária amarela no mês de novembro, anunciou a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) na noite desta sexta-feira (29).

Essa bandeira ainda indica que há condições desfavoráveis na geração de energia, mas custa menos que as demais. A bandeira amarela implica no pagamento de R$ 1,87 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

No caso dos beneficiários da tarifa social, os percentuais de descontos que são aplicados na conta – e que variam entre 10% e 65%, a depender do consumo – também incidem sobre o adicional da bandeira.

Até este mês de outubro, os beneficiários da tarifa social estavam pagando o adicional da bandeira vermelha patamar 2, que determinava um pagamento extra de R$ 9,49 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Os demais consumidores pagam uma bandeira ainda mais cara, a de escassez hídrica, no valor de R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos.

O país vive a pior crise hídrica dos últimos 91 anos e essa nova bandeira, criada neste ano, seguirá vigente até abril de 2022. Quando o governo estabeleceu a bandeira Escassez Hídrica, optou por isentar os consumidores mais pobres desta cobrança.

Veja também

© Washington Alves/COB/Direitos Reservados

Basquete: Brasil derrota Chile nas Eliminatórias da Copa do Mundo

© Marcello Casal JrAgência Brasil

Covid-19: ministro anuncia proibição de voos oriundos de seis países

© Felipe Oliveira/EC Bahia/Direitos Reservados

Brasileiro: Bahia derrota Grêmio por 3 a 1 e deixa Z4

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

© Fernando Brito/MS

Fiocruz pede inclusão de BioManguinhos como produtor de IFA nacional

106933

Chineses ignoram governo e usam criptomoedas para mandar dinheiro para o Japão

106931

INSS: Normas temporárias para concessão de auxílio é constitucional, decide STF

106929

Campos Neto diz que inflação vai melhorar a partir de 2022