Vigilância Ambiental de Domingos Martins faz alerta em relação à esporotricose

Publicado em 21/12/2021 às 14:07

Compartilhe

Vigilancia-Ambiental-de-Domingos-Martins-faz-alerta-em-relacao-a-esporotricose-2

Texto: Sidney Dalvi / Fotos: Sidney Dalvi

A esporotricose é uma micose causada pelo fungo universal da espécie Sporothrix spp. O fungo habita a natureza e está presente no solo, palha, vegetais, espinhos, madeira.  Além de atingir seres humanos, a doença também acomete várias espécies de animais silvestres e domésticos, principalmente o gato e o cachorro.

 Enquanto os cachorros adquirem uma forma de baixa virulência, semelhante a dos humanos, os gatos geralmente adquirem uma forma grave e disseminada da doença. Quando o profissional ou o cuidador tem contato com o gato, por meio de arranhões ou trato respiratório, ou com a pele contaminada, esse indivíduo pode adquirir a esporotricose zoonócia, transmitida por felinos.

De acordo com os profissionais da Vigilância Ambiental de Domingos Martins, alguns relatos de esporotricoseestão sendo detectados no município, e as providências já foram tomadas pelo órgão municipal.

Desta forma, o médico veterinário da Vigilância Ambiental, relatou sobre um caso da doença em Santa Isabel, distrito de Domingos Martins. “Nós fomos averiguar, constatamos a infecção e foi feito o tratamento. Este gatinho já deve até estar curado”, afirmou o veterinário.

Porém, ainda em Santa Isabel, sabendo deste caso, a equipe da Vigilância Ambiental recebeu informações de moradores de que cerca de 15 gatos haviam sido abandonados. “Nós estivemos em mais ou menos oito residências, e segundo população, pelo menos dois gatos também estavam infectados, só que, os bichos já haviam sumido”, destacou Roberto.

O que fazer para evitar a contaminação

Os sinais mais observados nos casos de esporotricose são as lesões ulceradas na pele, ou seja, feridas profundas, geralmente com pus, que não cicatrizam e costumam evoluir rapidamente. Mas, ainda de acordo com o médico veterinário, gatos não foram feitos para ficarem nas ruas.

“A rua é perigosa e suja. Gatos não são bichos que devem ir para as ruas. Se você quiser ter o seu gatinho, você deve colocar telas na sua casa, fazer castração, enfim, ter os cuidados básicos para promover a saúde do seu bicho de estimação, pois, arranhaduras de um gato contaminado podem trazer a esporotricose”, salientou.

Vigilância Ambiental em Domingos Martins

A gerente de Vigilância em Saúde, Silvana Rosa, disse que o órgão está trabalhando com a conscientização da população em relação à doença, através de visitas domiciliares e panfletos educativos.

“Mas a melhor forma de prevenção é manter seus bichinhos em casa, até porque, nós ainda não temos um Centro de Controle de Zoonoses, pois nosso município não tem mais de 50 mil habitantes para possuir um órgão assim”, afirmou a gerente.

Vigilância em Saúde

Endereço: Rua Bernardino Monteiro, s/n°, centro, Domingos Martins – ES (Anexa à Rodoviária Municipal)

Telefone: (27) 3268-3287

Veja também

© Rovena Rosa/Agência Brasil

Saúde: 53 milhões de brasileiros estão aptos a tomar dose de reforço

114688

Conta de luz terá bandeira verde em fevereiro para os mais pobres

© Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

Recursos para programas sociais triplicaram, diz ministro da Cidadania

© Tânia Rêgo/Agência Brasil

Covid-19: Brasil bate 25 milhões de casos de infectados

114682

Governo pagará bolsas a jovens e desempregados acima de 50 anos

114680

Petrobras e “Odebretch” desistem de oferta e ação da Braskem sobe 10%

114678

Aprenda a fugir de golpes em 5 passos

© Rovena Rosa/Agência Brasil

Anvisa alerta sobre diferença de vacinas pediátricas contra a covid-19