Série B: Guarani recebe Vasco que ainda sonha com acesso à 1ª Divisão

Publicado em 04/11/2021 às 19:21

Compartilhe

© Thomaz Marostegan/Guarani FC/Direitos Reservados


Com 47 pontos e na oitava posição, o Vasco sobe ou não sobe? Serão seis finais até o fim do campeonato, precisando de seis vitórias. A primeira decisão começa hoje (4), a partir das 19h (horário de Brasília), no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), contra o Guarani. Embora acredite na possibilidade do acesso, Jorge Salgado, presidente do Cruzmaltino, diz que clube planeja o ano que vem, pensando nas duas divisões do Campeonato Brasileiro. 

“A gente não jogou a toalha. A gente acha que pode, sim, subir para a primeira divisão. É difícil? É muito difícil. Probabilidade é baixa? Probabilidade é baixa. O que a gente está fazendo diante deste cenário? A gente tá construindo um cenário para o ano que vem na Série B e um cenário na Série A. Obviamente que a gente está olhando mais para o cenário da Série B”, disse o dirigente. 

A declaração de Salgado ocorreu nesta quarta-feira (4), ao anunciar acordos do clube para redução de dívidas. Se nas finanças o Vasco vem se acertando, dentro de campo, o presidente, até por responsabilidade de gestor, como o próprio disse, já pensa no cenário de uma nova Série B.

Para o duelo de logo mais, o técnico Fernando Diniz tem o retorno de Nenê, que cumpriu suspensão na derrota para o CSA por 3 a 1, em São Januário. O treinador barrou Gabriel Pec e vai começar com Andrey e Bruno Gomes. 

O Vasco vai jogar com Lucão, Zeca, Ricardo Graça, Leandro Castán e Riquelme; Andrey, Bruno Gomes, Marquinhos Gabriel e Nenê; Morato, e Germán Cano.

O Guarani tem uma situação um pouco melhor que a do adversário de hoje. O Bugre tem 49 pontos, na sétima posição e também precisa vencer para continuar sonhando em voltar para a Série A.

Suspenso, Daniel Paulista não vai poder ficar no banco de reservas. O técnico conta com os retornos do zagueiro Thales e do atacante Bruno Sávio, que cumpriram suspensão. O Guarani está confirmado com Rafael Martins, Diogo Mateus, Ronaldo Alves, Thales e Bidú; Bruno Silva, Rodrigo Andrade e Régis; Júlio César, Bruno Sávio e Júnior Todinho.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Veja também

© Thais Magalhães/CBF/Direitos Reservados

Seleção feminina encerra temporada com título do Torneio de Manaus

© Samara Miranda/Remo/Direitos Reservados

Copa Verde: Paysandu e Remo empatam em clássico de tempos distintos

© Reuters/Carlos Osorio/Direitos Reservados

Pfizer: 1 milhão de doses chegam ao Brasil hoje

107575

Mega-Sena sorteia R$ 11 milhões nesta quarta; confira as dezenas

107573

EUA têm 10 milhões de vagas, mas não despertam interesse; entenda o porquê

© Edilson Rodrigues/Agência Senado

Plenário do Senado aprova indicação de André Mendonça ao STF

© ONU/Unaids/Divulgação

Atos no Rio marcam Dia Mundial de Luta contra a Aids

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Anvisa defende transparência e cooperação entre agências reguladoras