SENAR-ES premia alunos de escolas rurais em programa social

Publicado em 20/12/2022 às 11:14

Compartilhe

SENAR-ES-premia-alunos-de-escolas-rurais-em-programa-social

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Espírito Santo (SENAR-ES), em parceria com a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Espírito Santo (FAES) e os Sindicatos Rurais, irá premiar, nesta terça-feira (20), as crianças e adolescentes que participaram do programa Agrinho 2022. O evento é para convidados e acontecerá no Sesc Praia Formosa, em Aracruz.

O Agrinho é um programa de responsabilidade social, que nesta edição recebeu apoio do Sebrae/ES. É voltado para alunos regularmente matriculados em escolas municipais rurais, com idade entre 04 e 16 anos, e incentiva a discussão de assuntos importantes para a sociedade. Em 2022, o tema trabalhado foi “Alimentar o mundo com saúde e sustentabilidade”. Este tema envolve a saúde como uma questão econômica, ambiental e social.

Leticia Simões, superintendente do SENAR-ES, ressalta que a finalidade do Agrinho é conscientizar os participantes do programa. “Nós propomos mudanças de atitude que contribuam para o crescimento do cidadão e do seu senso crítico. Nosso objetivo é abrir as barreiras do pensamento e ajudar essa geração a construir um futuro melhor”, afirma.

Com a pandemia, o programa foi suspenso nos anos de 2020 e 2021. Letícia conta que o tema desse ano trouxe uma reflexão para os alunos e professores de que a sustentabilidade vai além do reaproveitamento de materiais, água, restos de alimentos, consumo consciente. “Ele impacta na saúde física e mental das famílias, como um processo de gerar riqueza e bem-estar ao mesmo tempo que promove a conexão social e impede a destruição do meio ambiente”, afirma a superintendente.

O programa nasceu em 2005 com participação de apenas sete municípios. Já em 2022, 56 cidades aderiram ao projeto, por meio de 662 escolas, aproximadamente cinco mil professores e mais de 66 mil alunos.

Durante o ano, os temas são discutidos em sala de aula e os estudantes preparam desenhos e redações. Os professores e coordenadores das escolas desenvolvem atividades pedagógicas e todos os trabalhos são enviados para a banca avaliadora contratada pelo Senar-ES para avaliação.

A premiação inclui notebooks, tablets, smartphones e bicicletas para os alunos. E, este ano, uma grande novidade: um carro 0km para o 1º colocado na categoria de professor, entre muitos outros prêmios.

O Senar desperta a população do campo com oferta de ações de Formação Profissional Rural, Atividades de Promoção Social, Ensino Técnico de Nível Médio, presencial e a distância, e com um modelo inovador de Assistência Técnica e Gerencial.

Criado pela Lei nº 8.315, de 23/12/91, é uma entidade de direito privado, paraestatal, mantida pela classe patronal rural, vinculada à Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e administrada por um Conselho Deliberativo tripartite, composto por representantes do governo federal e das classes trabalhadora e patronal rural.

No Espírito Santo, vincula-se à Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo (FAES), sendo dirigido por um Conselho Administrativo composto por representações das Classes de Produtores e de Trabalhadores Rurais do Estado e um representante do SENAR Central.

Fonte: Pauta6

Veja também

geral-17-06-ft-Ricardo-Medeiros-terceira-ponte

Governo do Estado inicia remoção das cabines da Terceira Ponte

saude-17-06-ft-sesa

Neurocirurgia transformadora: a jornada de dona Florentina para recuperar a fala e a mobilidade

geral-17-06-ft-Reproducao-Agencia-Brasil-termometro

Inverno começa nesta semana com temperaturas acima da média

politica-17-06-ft-Paulo-Pinto-Agencia-Brasil-pl-aborto

Após PL do aborto na Câmara, Senado discute o tema nesta segunda-feira

brasil-17-06-ft-reproducao-chuvas-RS

Ministro presta suporte após temporal em São Luiz Gonzaga, no Rio Grande do Sul

producao-industrial

Produção industrial cresce 6,2% no Espírito Santo

incendio-instalacao-eletrica

Saiba como evitar incêndios em instalações elétricas

agricultura-familiar

Governo e Assembleia anunciam investimento de R$5 milhões na Agricultura Familiar