Quarto período da Andada do caranguejo-uçá ocorre na próxima semana

Publicado em 06/04/2024 às 11:06

Compartilhe

caranguejo-uca

O quarto é último período da Andada do caranguejo-uçá (Ucides cordatuse) ocorre na próxima semana em Vitória, a capital do Espírito Santo. De terça-feira (09) até o domingo (14), ficam proibidos a captura, a manutenção em cativeiro, o transporte, o beneficiamento, a industrialização, o armazenamento e a comercialização dos indivíduos da espécie, proveniente de qualquer origem, bem como as partes isoladas (quelas, pinças, garras ou desfiado).

A andada é o período reprodutivo em que os crustáceos machos e fêmeas saem de suas galerias (tocas) e andam pelo manguezal para acasalamento e liberação de ovos. As datas estão alinhadas com a Portaria Nº 325, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), para o ano de 2024, e foi aprovada pela sociedade civil, em reunião pública, e pela Comissão Tripartite Estadual, composta por órgãos ambientais federais, estaduais e municipais.

“É muito importante alertar sobre a preservação da espécie, protegendo no período de reprodução e de recomposição da fauna e, assim, garantimos o aumento do número de caranguejos-uçá e a continuidade das atividades da cata e da comercialização, que são tradicionais em Vitória e que representam renda para muitas famílias”, apontou o secretário municipal de Meio Ambiente, Tarcísio Föeger.

CONSCIENTIZAÇÃO – Para sensibilizar a população sobre os períodos da andada do caranguejo-ucá (Ucides cordatuse), e também da importância da sua preservação, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam) realizou abordagens educativas e de sensibilização em feiras livres e peixarias, além de ações com estudantes e das comunidades escolares junto às unidades de ensino localizadas no entorno de importantes áreas de manguezal de Vitória, durante o terceiro ciclo do defeso.

As ações de sensibilização contaram também com a parceria de catadores de caranguejo da capital. Eles passaram a receber benefícios durante os períodos de defeso, a partir da nova legislação do município que desburocratizou o pagamento.

Assim, os catadores têm auxiliado os agentes de fiscalização nas operações pelo manguezal de Vitória e, também, os educadores ambientais nas abordagens educativas nas feiras livres, escolas, comércio, dentre outras ações que visam preservar e cuidar dos manguezais de Vitória, como parte do projeto Mangueando na Educação, desenvolvido pela Semmam.

Fonte: PMV

Veja também

agricultura-familiar

Governo e Assembleia anunciam investimento de R$5 milhões na Agricultura Familiar

Cooperativas-de-seringalistas-debatem-desafios-da-producao-de-borracha-no-ES

Cooperativas de seringalistas debatem desafios da produção de borracha no ES

Governador-anuncia-mais-66-novos-onibus-climatizados-para-o-Transcol

Governador anuncia mais 66 novos ônibus climatizados para o Transcol

sustentabilidade-es

Projeto Semeando com Sustentabilidade receberá investimento três vezes maior

inovacoes-es

Governo do Estado apresenta ações inovadoras durante o ESX 2024

fevesu-24

Favesu 2024 leva conhecimento sobre avicultura e suinocultura a milhares de participantes

brasil-14-06-ft-Rovena-Rosa

FAB encerra neste sábado recebimento de doações ao Rio Grande do Sul

esportes-14-06-ft-go-es

Paratleta capixaba conquista prata no World Series de natação na França