Protetora de animais de Marechal Floriano faz apelo para doar sua última cachorrinha

Publicado em 09/07/2022 às 10:40

Compartilhe

Protetora-de-animais-de-Marechal-Floriano-faz-apelo-para-doar-sua-ultima-cachorrinha

Texto: Diogo Endlich

Conhecida por muitos na região por ser uma pessoa apaixonada por animais, a protetora Karen Fabiani já ajudou a salvar centenas de caninos, todos vítimas de abanados e maus-tratos. Ela resgatava, cuidava e doava, mas também tinha os seus, aos quais ela tratava como verdadeiros filhos: faziam parte da família.

Mas, um drama começou há cinco meses. Depois do fim do seu relacionamento, ela se viu sozinha, desempregada, e com vários animais. A situação se complicou ainda mais depois que descobriu um delicado problema de saúde, o que a obrigou a doar todos os seus animais por não ter condições de cuidar. Porém, uma cachorrinha especial, com o nome de Mel, ela ainda não conseguiu doar.

“As pessoas não imaginam o quanto está sendo difícil se desfazer dos meus bichinhos. Eles eram minha família e eu sempre cuidei deles com tanto amor, nunca achei que fosse viver uma situação dessas na minha vida. Os outros já foram doados e só ficou a Mel, mas está sendo mais difícil porque ela é cega, talvez as pessoas acham que ela vai dar trabalho, mas ela se vira sozinha, é muito esperta e carinhosa. Ela não dá trabalho nenhum, é puro amor”, afirma Karen.

Atualmente Karen está empregada, mas precisou se mudar para mais próximo do trabalho, pois residia na zona rural, distante 30 quilômetros, e a única casa que ela encontrou não aceita animais. A cachorrinha Mel conseguiu um lar temporário até o dia 13, depois disso precisa ser retirada do local e não tem para onde ir. “Ceguinha ela jamais sobreviveria sozinha nas ruas”, disse Karen.

A protetora Karen, que tanto ajudou, agora faz um apelo desesperado precisando de ajuda. “Estou com um problema de saúde e vou ficar internada para realizar uma cirurgia. A pessoa que deu lar temporário para Mel só pode ficar com ela até dia 13, e eu não tenho como pegar e nem para onde levar. Estou desesperada, estou procurando ajuda de todas as formas, já fazem várias noites que não durmo porque é muito doloroso ter que doar a minha Mel, e a impressão que tenho é que perdi tudo, não sei mais o que fazer”, lamenta.

Quem quiser ajudar adotando a Mel ou dando lar temporário para a cachorrinha, pode entrar em contato com o número: (27) 99750-2886.

Veja também

Estudantes-aprendem-a-utilizarem-cascas-de-frutas-e-legumes-em-Marechal-Floriano

Estudantes aprendem a utilizarem cascas de frutas e legumes em Marechal Floriano

Bairro-Alto-Marechal-ganhara-obras-de-reurbanizacao-nos-proximos-dias

Bairro Alto Marechal ganhará obras de reurbanização nos próximos dias

Onibus-do-Hemoes-fara-coleta-de-sangue-em-Afonso-Claudio

Ônibus do Hemoes fará coleta de sangue em Afonso Cláudio

Domingos-Martins-recebe-recursos-do-Governo-do-Estado-para-editais-na-area-cultural

Domingos Martins recebe recursos do Governo do Estado para editais na área cultural

Campanha-eleitoral-comeca-hoje-16-nas-ruas-do-pais

Campanha eleitoral começa hoje (16) nas ruas do país

Conselho-de-Assistencia-Social-fara-eleicao-de-novos-membros-em-Domingos-Martins

Conselho de Assistência Social fará eleição de novos membros em Domingos Martins

Semana-sera-de-frio-e-chuva-em-boa-parte-do-Brasil

Semana será de frio e chuva em boa parte do Brasil

Ministerio-da-Saude-ativa-Sala-de-Situacao-para-combate-do-sarampo-no-Pais

Ministério da Saúde ativa Sala de Situação para combate do sarampo no País