Projeto de leitura e empoderamento feminino ganha destaque em Santa Maria de Jetibá

Publicado em 08/03/2022 às 16:30

Compartilhe

Projeto-de-leitura-e-empode

Texto: Antonio Neto

Valorizar as mulheres é uma ação levada a sério em Santa Maria de Jetibá. Ontem (07), foi lançado o projeto de leitura “Empoderamento feminino: buscando o melhor de si”. O primeiro encontro aconteceu no Centro de Convivência da Terceira Idade, na tarde de ontem. O projeto é uma ação que tem o intuito de promover o empoderamento feminino, utilizando-se de todo o potencial que a literatura traz, reunido mulheres de diversas profissões e faixas etárias.

Este projeto é uma iniciativa da Biblioteca Pública Municipal, tendo à frente a bibliotecária Izabel Pansini, contando também com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e com a parceria do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Sindicato Rural, Secretaria de Ação Social, entidades religiosas e educacionais.

Sobre a necessidade de ações como esta, Lilian Hoffmann, psicóloga da equipe de referência de violência contra a mulher do CREAS, disse que a leitura pode ajudar a superar o modo de pensar o cotidiano, ajudando a construir um pensamento abstrato mais crítico e mais elaborado, além de possibilitar que a pessoa compreenda melhor os fatos sociais e políticos, o que resulta num movimento reflexivo de ampliação da consciência.

“A literatura e a filosofia, em especial, são dispositivos que podem despertar a afetividade nesse processo de construção mental agregado à imaginação do real ou de um fenômeno considerado de visualização impossível para o sujeito. A viagem pelo campo da imaginação auxilia a pessoa a acessar diferentes saberes e culturas, de certo modo a leitura genuína é um encontro intenso com o desejo de narrar-se nas histórias contadas, ou por afinidade ou por repulsa”, enfatizou.

Ela ainda destacou a importância da leitura. “A leitura é um entrelaçado de mundos, que ora se cruzam, ora se distanciam de modo atemporal, pois depende do espaço tempo vivido pelo leitor, ou seja, depende de suas vivências, experiências, sentimentos e emoções que este tem de si e do mundo. O segredo está na liberdade do pensamento, na medida em que o leitor de debruça sobre a obra, provocando uma profunda reflexão sobre o ‘modus operandi’, o modo de viver e reconhecer-se nessa cultura”, relatou.

A primeira obra a ser lida pelo grupo será o livro “Mulheres que correm com lobos”, de Clarissa PinkolaEstés. As mulheres que desejarem se unir ao projeto podem buscar informações na Biblioteca Publica Municipal de Santa Maria de Jetibá.

Veja também

Acidente em DM (1)

Motorista com sinais de embriaguez é detido após causar acidente em Domingos Martins

treinamento-de-lutas-para-campeonato-nacional

Treinamentos das lutas de taekwondo aumentam em Marechal Floriano com a aproximação da competição nacional

crimes-ambientais-em-afonso-claudio

Polícia Ambiental identifica crimes ambientais em Afonso Cláudio após denúncias

clima-no-ES

Espírito Santo deverá ter frio intenso na próxima semana devido à massa de ar de origem polar

loteamento-inapropriado

Operação interdita loteamentos irregulares e identifica desmatamento em Domingos Martins

projeto-solidario-para-fazer-as-pessoas-felizes

Escola de São Miguel faz muitas pessoas felizes com projeto solidário

vacinacao-de-gripe-e-saranpo

Sesa alerta para baixa adesão às campanhas de vacinação contra Gripe e Sarampo

grupo-de-danca-e-musico-animam-feira-do-empreendedor-1

Grupo de danças e músico e animam a Feira do Empreendedor em Marechal Floriano