Oito anos depois, Paulinho está de volta e reforça o Corinthians

Publicado em 15/12/2021 às 21:20

Compartilhe

© Lucas Figueiredo/CBF/Direitos Reservados


“O guerreiro está de volta. No ano que vem, o bicho vai pegar”. Foi assim que Paulinho se manifestou pela primeira vez desde o retorno ao Corinthians, oficializado nesta quarta-feira (15). O volante de 33 anos está de volta ao clube onde foi campeão paulista (2013), brasileiro (2011), da Libertadores e do Mundial (ambos 2012).

Paulinho assinou contrato por dois anos e vestirá a camisa 15. Ele foi anunciado por meio de uma sirene no Parque São Jorge, a sede do clube paulista, uma tradição em contratações importantes. Pelo Alvinegro, o volante fez 167 jogos e 34 gols, sendo o mais marcante o da vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, no Pacaembu, no jogo de volta do confronto pelas quartas de final da Libertadores de 2012.

O jogador encerrou a passagem inicial pelo Corinthians em 2013, ao ser negociado com o Tottenham (Inglaterra). Dois anos depois, foi vendido ao Guangzhou Evergrande (China), onde foi dirigido pelo técnico Luiz Felipe Scolari, que o comandou na Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Em 2017, Paulinho acertou com o Barcelona (Espanha), retornando ao Guangzhou no ano seguinte (inicialmente por empréstimo e depois em definitivo). O último clube do volante foi o Al-Ahli (Arábia Saudita).

Segundo o Corinthians, o retorno de Paulinho foi viabilizado pelo acordo de patrocínio fechado também nesta quarta com o Grupo Taunsa, de atuação no agronegócio. O contrato inicia oficialmente em janeiro do ano que vem, com duração até dezembro de 2023. Os valores não foram divulgados, assim como a forma que a parceria será ativada nas propriedades físicas e digitais do Timão.

Edição: Fábio Lisboa

Veja também

© 01/09/2021/Rovena Rosa/Agência  Brasil

Covid-19: Brasil registra 259 mortes e 83,3 mil novos casos

© Érico Filipe/EBC

Queiroga diz que prioridade é ampliar vacinação contra covid-19

© Lucas Figueiredo/CBF/Direitos Reservados

Eliminatórias: Brasil inicia preparação para jogo contra Equador

© Arquivo/Valter Campanato/Agência Brasil

STF determina prisão domiciliar para Roberto Jefferson

114082

Bolsonaro troca social por eleitoral no Orçamento, dizem especialistas

© Tony Heff

Surfe: Medina anuncia que não disputará 1ª etapa do Circuito Mundial

© REUTERS/Alberto Lingria/direitos reservados

Técnico Roberto Mancini convoca brasileiros para a seleção Italiana

© Matsui Mikihito/CPB/Direitos Reservados

Coluna – Pandemia ainda desafia planejamento do ciclo paralímpico