Mercado Pago lança seguro para Pix com indenizações de até R$ 10 mil

Publicado em 15/10/2021 às 07:50

Compartilhe

100530


source
Mercado Pago lança seguro para Pix com indenizações de até R$ 10 mil
Bruno Ignacio

Mercado Pago lança seguro para Pix com indenizações de até R$ 10 mil

O Mercado Pago anunciou nesta quinta-feira (14) o lançamento de um novo seguro contra transações indevidas feitas por Pix. A novidade chega em um momento de crescimento de golpes e crimes envolvendo a ferramenta financeira. Agora, clientes podem contratar o serviço e contar com indenizações de até R$ 10 mil reais mensais contras perdas envolvendo envios realizados sob coação.

O novo seguro foi lançado para proteger o consumidor de crimes nos quais a vítima acaba realizando transações por Pix mediante coação. O serviço foi criado em parceria com a BNP Paribas Cardif e será ofertado para cerca de 11 milhões de clientes dos cartões e contas Mercado Pago.

A fintech vai oferecer dois planos. O primeiro custa R$ 3,50 mensais e protege o cliente de perdas de até R$ 5 mil por mês decorrentes de crimes com Pix. O Segundo custa R$ 5 mensais, mas indeniza até R$ 10 mil. O serviço faz parte de um pacote que também oferecerá cobertura contra perda, roubo, morte ou invalidez em decorrência de crime.

Leia Também

Seguro cobre apenas Pix realizado sob coação

No entanto, o seguro do Mercado Pago promete indenizar somente casos em que o cliente realizou a transação via Pix sob ameaças de danos físicos. O serviço também cobre saques em caixas eletrônicos sob coação e roubo do cartão, mas os crimes devem ser notificados no prazo determinado.

Segundo o vice-presidente do Mercado Pago, Tulio Oliveira, clientes vinham realizando consultas sobre esse tipo de serviço, especialmente durante a pandemia. Em comunicado, ele afirmou que cada vez mais pessoas demonstravam ter medo de serem alvos de criminosos e serem forçados a realizarem múltiplas transferências instantâneas via Pix.

O sistema foi lançado pelo Banco Central em novembro do ano passado. Segundo a autoridade monetária, já são quase 90 milhões de usuários que realizaram transferências com o Pix desde então. Tendo em vista o crescimento de ações criminosas envolvendo a ferramenta, o BC passou a limitar a R$ 1.000 o valor de transações feitas entre as 20h e 6h.

Com informações: Reuters

Mercado Pago lança seguro para Pix com indenizações de até R$ 10 mil

Veja também

107408

Como parcelar o imposto do MEI atrasado

107406

Governo revisa dados e país fechou 191 mil vagas de emprego em 2020

107404

Ladrões vestidos de vilões de Harry Potter são presos após assalto na Escócia

© Marco Galvão/CBF/Direitos Reservados

Treinadores campeões olímpicos serão homenageados em festa do COB

107400

Gata é encontrada com um bilhete triste e uma pequena surpresa

107398

99 Táxi é condenada por cadastro em CPF de terceiro

© NIAID

Anvisa: dois casos da variante Ômicron são identificados no Brasil

107394

Telebras e ICMBio estão com quase duas mil vagas abertas em concursos; confira