Máfia Azul afirma que puniu torcedores do Cruzeiro e que pagou prejuízo causado em lanchonete de Marechal Floriano

Publicado em 11/03/2023 às 12:40

Compartilhe

posto-do-cafe

Julio Huber

Após torcedores do Cruzeiro causarem prejuízos a uma lanchonete em Marechal Floriano, a diretoria da Máfia Azul Cru-Fiel Floresta afirmou, por meio de um comunicado oficial, que ressarciu o estabelecimento. O episódio ocorreu no último sábado (04), quando torcedores que estavam em vários ônibus realizaram um arrastão na lanchonete do Posto do Café. Clique aqui e leia a reportagem sobre o assunto.

Essa semana, por meio de um comunicado, a diretoria da Máfia Azul lamentou o ocorrido, e afirmou penalizou os envolvidos no caso. “Atitudes como essas não representam os nossos membros e tão pouco a ideologia da nossa torcida”, afirmou. Leia abaixo, na íntegra, o comunicado.

“Viemos esclarecer aos membros e a toda sociedade, que por meio da imprensa recebemos inúmeras notícias em desfavor da nossa instituição. Os ocorridos no último fim de semana, quando estivemos em deslocamento de Belo Horizonte (MG) à Cariacica (ES), são inaceitáveis pela diretoria desta instituição.

Na ocasião seguíamos viagem em ‘comboios’, esses muito maiores que o noticiado pela mídia. Até que alguns de nossos ônibus pararam em determinado local para que os presentes dos mesmos realizassem compras para alimentação antes de prosseguir com a viagem.

Atitudes lastimáveis e fora da conduta estabelecida, por alguns integrantes vieram a ocorrer, denegrindo a nossa imagem. Imediatamente, no momento em que nossa diretoria foi informada de tais fatos, buscamos rapidamente os responsáveis, e já identificados, foram punidos e penalizados por nossa diretoria.

Como forma de compensação, entramos em contato com o comerciante prejudicado e o mesmo foi ressarcido imediatamente do prejuízo. Atitudes como essas não representam nossos membros e tão pouco a ideologia da nossa torcida. Tanto que prosseguimos viagem, e com a punição já aplicada aos infratores, paramos na praia e nenhum incidente ou ato de indisciplina aconteceu ou nos foi relatado. Viemos a público informar a todos que atitudes como essas jamais serão toleradas em nossa torcida”.

Por meio de uma nota de esclarecimento, a direção do Posto do Café confirmou que foi ressarcido parcialmente. A nota diz:

“A empresa Café das Montanhas LTDA vem informar que lamenta o fato ocorrido no último sábado, dia 04/03/2023, quando torcedores de uma Organizada apresentaram conduta inapropriada, criminosa e imoral em nosso estabelecimento, bem como com nossos colaboradores.

Comunicamos que todas as medidas legais e providências junto às autoridades competentes já foram adotadas, quando esclarecemos que já houve o ressarcimento parcial do prejuízo pela direção da torcida organizada. Sempre primando pela oferta dos melhores serviços aos nossos clientes, trabalharemos para que episódios análogos não se repitam”.

Veja também

geral-22-05-ft-Instituto-Kautsky-Roberto-Kautsky

Eventos celebram o centenário do botânico martinense Roberto Anselmo Kautsky

geral-22-05-ft-freepik-auditorio

Semana Nacional do MEI chega nas montanhas com capacitações para microempreendedores

esportes-22-05-ft-div-atleta-jiu-jitsu

Atleta martinense representa município em competição internacional de jiu-jitsu

geral-22-02-Joedson-Alves-agencia-Brasil

Começa amanhã consulta ao maior lote de restituição do IR da história

mat-paga-22-05-mundo-ft-freepik

Descubra por que Blockchains ainda não dominaram todas as indústrias (e como isso pode mudar)

geral-22-05-ft-div-filhote-veado

Filhote de veado é tratado com mamadeira em Marechal Floriano após ser encontrado ferido

video-22-05-ft-divulgacao-grupo-danca-feminino

Grupo de danças italianas formado por mulheres é criado em Marechal Floriano

cultura-22-05-ft-divulgacao-grupo-danca-feminino

Marechal Floriano ganha novo grupo folclórico italiano feminino