Macacos mortos são encontrados em Laranja da Terra e Domingos Martins

Publicado em 18/01/2017 às 09:07

Compartilhe

Moradores dos municípios de Laranja da Terra e Domingos Martins estão preocupados com o aparecimento de macacos mortos nos últimos dias. Até o momento, das duas cidades, só Laranja da Terra está na área de transmissão da febre amarela e com registros de macacos mortos.

Em Laranja da Terra, foram encontrados nesta quarta-feira (18) mais de 20 macacos que foram levados para análise. Os animais mortos que foram recolhidos nesta manhã foram encontrados em diversos pontos do município.

Na tarde de hoje, mais macacos seriam recolhidos para análise. Como Laranja da Terra é um dos 26 municípios que estão recebendo vacinas do governo federal para imunizar os moradores, por estar na divisa com o estado de Minas Gerais, a Secretaria Municipal de Saúde já está iniciando a vacinação da população. Até o momento, foram confirmadas sete mortes de pessoas por febre amarela em municípios mineiros.

macacos mortos em domingos martins e laranja da terra 2

Já em Domingos Martins, a morada Juliana Renzelmann, do distrito de Ponto Alto, disse que uma tia dela que mora em Paraju encontrou, na última terça-feira (17), nas dependências de um lote próximo a sua casa, um macaco morto, já em estado de decomposição avançada. Segundo ela, sua tia entrou em contato com a Vigilância Sanitária de Domingos Martins.

Juliana conta que a comunidade está preocupada, principalmente em relação à imunização da população. “Estamos preocupados com a vacina que só será enviada para os locais onde o número de mortes de macacos é maior”, ressalta Juliana.

Procurada pela reportagem do Montanhas Capixabas, a Prefeitura de Domingos Martins, por meio da assessoria de imprensa, informou que até o momento não registrou nenhuma notificação e/ou confirmação de macacos mortos no município. “A Vigilância em Saúde chegou a ser acionada nos últimos dias para captura de dois animais no interior, porém um deles morreu vítima de um ataque de cachorro e o outro já estava em avançado estado de decomposição, não sendo possível recolhimento de material para exames. Portanto, a informação não procede”, destacou a nota da prefeitura.

A administração ainda destaca que o município não está em uma área de transmissão da febre amarela e, por isso, não está relacionado para receber vacinas extras do governo federal. As unidades de saúde dispõem de vacinas apenas para pessoas que forem viajar para áreas de transmissão.

A Secretaria de Saúde do município, por meio da assessoria de imprensa, pede à população que ao encontrar um macaco morto, acione a Vigilância em Saúde para recolhimento e encaminhamento de material para exames. O telefone para contato é: (27) 3268-1354.

Veja também

policia-19-07-ft-gov-es-procon-es

Procon-ES apreende mais de 100 quilos de produtos vencidos em supermercados na região do Caparaó

saude-19-07-ft-gov-es

CRE Metropolitano atende mais de 3,9 mil usuários dentro do Programa de Órtese Oftalmológica em três meses

esportes-19-07-ft-divulgacao-paratleta-capixaba

Espírito Santo conquista 25 medalhas no Circuito Loterias Caixa de Natação Paralímpica

mat-paga-esporte-19-07-ft-freepik-torcida-argentina

Após título da Argentina, como está o ranking de conquistas da Copa América?

mundo-19-07-ft-BRETT-PHIBBS-aviao

Um ‘apagão cibernético’ afetou voos, bancos e instituições no mundo hoje

brasil-19-07-ft-reproducao-Ex-diretor-Petrobras-Renato-Duque

Ex-diretor da Petrobras Renato Duque é condenado a 98 anos de prisão

Lidiney e Junior

Lidiney Gobbi confirma Junior Lovatti como pré-candidato a vice-prefeito em Marechal Floriano

mundo-18-07-ft-Reproducao-Flickr-Lisa-Kristin-golfinho

Golfinhos-nariz-de-garrafa são os únicos mamíferos do mundo com ‘sexto sentido’