POLÍCIA

Idaf e Polícia Ambiental identificam desmatamento irregular em Fundão

Publicado em 03/12/2020 às 13:36

Compartilhe

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) e a Polícia Militar Ambiental identificaram, nessa terça-feira (1º), o desmatamento irregular de uma área de quatro hectares de vegetação nativa em estágio médio de regeneração, na região de Praia Grande, em Fundão.

De acordo com a equipe técnica do Idaf, que realizou a fiscalização, o responsável será autuado. A área foi embargada para recuperação florestal, não podendo ser utilizada para nenhuma outra atividade.

Supressão de vegetação

O Idaf é o órgão responsável pela execução da política florestal no estado. Cabe ao Instituto, portanto, autorizar ou não a supressão de vegetação nativa.

O Código Florestal Brasileiro é responsável por dispor as regras para proteção da vegetação nativa, definindo o que é passível de supressão, sendo o Idaf o executor da referida legislação em âmbito estadual.

Veja também

PEPCV-Karol-Gazoni-Iema-1

Parques estaduais estarão abertos para visitação nesta semana

WhatsApp-Image-2021-06-21-at-09.23.40

Trânsito intenso causa engavetamento entre três carros na BR-262

WhatsApp-Image-2021-06-21-at-11.35.36-3

Carros antigos serão expostos em Araguaya no mês de julho

acidente-fazenda-no-estado_capa

Motociclista fica ferido após acidente com carreta na Fazenda do Estado, em Domingos Martins

doses-da-AstraZeneca-Fiocruz

Saúde envia aos estados e DF mais de 7,6 milhões de doses da AstraZeneca/Fiocruz

banestes-mantem-menor-taxa-de-juros

Banestes mantém menor taxa de juros do Brasil no crédito imobiliário, mesmo após alta da Selic

Sebrae-ES-consultoria

Sebrae/ES oferece consultorias sobre finanças com até 90% de desconto

pastor-de-marechal-tranferencia

Transferência de pastor entristece luteranos em Marechal Floriano