Fiocruz e AstraZeneca assinam acordo para importação de IFA em 2022

Publicado em 28/10/2021 às 16:51

Compartilhe

102574


A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a farmacêutica AstraZeneca assinaram hoje (28) uma declaração conjunta de compromisso para aquisição de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). Os novos lotes de IFA importado permitirão que o Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz) produza 60 milhões de doses da vacina contra covid-19 em 2022.

Com o acordo, Bio-Manguinhos vai reforçar as entregas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) no primeiro semestre do ano que vem, para o qual já estavam previstas 60 milhões de doses fabricadas a partir de IFA produzido no Brasil. Desse modo, o Sistema Único de Saúde (SUS) deve receber 120 milhões de doses da vacina AstraZeneca contra covid-19 nos primeiros seis meses do ano que vem.

A assinatura do acordo contou com a presença do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, da presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, do CEO Global da AstraZeneca, Pascal Soriot, e do presidente da AstraZeneca no Brasil, Carlos Sánchez-Luis.

A Fiocruz afirma que a maior disponibilidade de doses permitirá ao Ministério da Saúde estabelecer diferentes protocolos de vacinação e dispor da vacina para implementar doses de reforço nos grupos em que ela for necessária.

“A Fiocruz está buscando se antecipar aos possíveis cenários de evolução da pandemia para atender às demandas do Ministério da Saúde e da sociedade brasileira e a garantia desse IFA no início do ano que vem nos permitirá essa flexibilidade. Hoje, mais uma vez, contamos com a parceria da AstraZeneca, uma parceria que vem se fortalecendo e se expandindo inclusive para o enfrentamento de outros agravos”, comenta a presidente da Fundação, Nísia Trindade Lima, em texto divulgado pela Agência Fiocruz de Notícias.

No encontro, a presidente da fundação e o presidente da AstraZeneca Brasil também assinaram uma carta de intenções que visa uma futura parceria entre a empresa e o Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos/Fiocruz) no enfrentamento a Diabetes, Doença Renal Crônica e Insuficiência Cardíaca.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Saúde

Veja também

107398

99 Táxi é condenada por cadastro em CPF de terceiro

© NIAID

Anvisa: dois casos da variante Ômicron são identificados no Brasil

107394

Telebras e ICMBio estão com quase duas mil vagas abertas em concursos; confira

107392

CAGED aponta criação de 253 mil empregos formais em outubro no país

107390

Avião atinge grupo de garças, tem motor obstruído e pousa em chamas; veja vídeo

107388

Guedes admite uso do orçamento secreto para conseguir apoio do Congresso

© Alexandre Vidal / Flamengo/Direitos Reservados

Coluna – E se o Michael tivesse marcado o gol no fim da decisão?

107384

Petrobras confirma dividendos de até US$ 70 bilhões entre 2022 e 2026; entenda