Coral de Marechal Floriano tem reconhecimento mundial e pode se apresentar na Europa

Publicado em 25/02/2021 às 14:09

Compartilhe

O Coral São José, do distrito de Santa Maria, em Marechal Floriano, deu um importante passo para o seu reconhecimento mundial. Conduzido pelo maestro, pianista e cantor Max Carvalho, que já recebeu várias premiações internacionais, o Coral São José agora faz parte da Federação Chorus Inside International, com sede na Itália, mas que abrange a Europa e está expandido para várias partes do mundo.

O maestro Max é graduado pela Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames), além de orquestrar diversos corais e também atua como diretor e professor música: piano, teclado, técnicas vogais, regência, entre outros. Atualmente ele é acadêmico de direito.

O Coro São José é o primeiro grupo da Região Serrana e o segundo do Brasil a se filiar a essa federação européia, com sede na Itália. Com isso, o coral passa a ter reconhecimento internacional e ganha o direito de participar de festivais, eventos e cursos, junto com equipes de várias partes do mundo, com custos reduzidos.

Coral de Marechal Floriano tem reconhecimento mundial e pode se apresentar na Europa 2O maestro contou que a expectativa, tão logo a pandemia da Covid -19 termine, é levar o coral para realizar apresentações na Europa, principalmente na Itália, onde o grupo foi filiado. Em 2019, juntamente com barítono Rafael Simas, o maestro Max ficou em segundo lugar no “XXXVI Concorso Internazionale Chorus Inside Summer”, realizado na Itália. No ano passado, a dupla faturou a primeira colocação no “International Choral Competition – Christmas Inside”, de Roma, que devido à pandemia foi realizado virtualmente.

“Foi uma emoção muito grande para todos nós podermos representar a nossa comunidade, nosso município e nosso Estado, na Federação Europeia. Como representante do Conselho Administrativo do Coral São José, quero dizer que somos gratos ao nosso maestro Max Carvalho. Ver a união do grupo nestes nove anos de trabalho, vencendo lutas e desafios, e poder, agora, escrever um grande e importante momento da sua história, é muita alegria”, disse Odete Luduvico, uma das integrantes do coral.

“É um orgulho indescritível ter a possibilidade de levar um coral de Marechal Floriano a nível internacional. Eu, como maestro, estou muito feliz. Mesmo com as dificuldades que vivemos hoje, com a pandemia, estamos realizando um lindo trabalho”, destacou o maestro Max Carvalho.

TRAJETÓRIA – O Coro de São José começou sua caminhada no mundo musical em 2012, com o objetivo de aperfeiçoar o canto litúrgico da igreja de São José, no distrito de Santa Maria. No decorrer dos anos, o coro enriqueceu o seu repertório com cantos populares, natalinos e música polifônica religiosa, além de participar de inúmeros eventos dentro e fora do Espírito Santo, destacando-se pelo alto valor artístico das suas atuações.

 

Veja também

97940

Bolsonaro fala que está “quase pronto” plano para subsidiar vale-gás

97938

Bolsonaro: “Não posso garantir que não haverá apagão”

© Breno Esaki/Agência Saúde

Vacinação para adolescentes de 12 anos começa hoje no DF

97934

Petrobras é responsável por um terço do preço da gasolina, diz Silva e Luna

97932

Bolsonaro sobre controlar a inflação: “Em economia, sou zero a esquerda”

© Pedro Souza/Atlético/Direitos Reservados

Libertadores: Atlético-MG e Palmeiras decidem vaga na final

97928

Uber é acusada de banir 15 mil motoristas por cancelamento excessivo

97926

Entenda por que a secretária do Tesouro dos EUA não atende os telefonemas do FMI