Vai doar sangue pela primeira vez? Tire as principais dúvidas sobre esse ato que ajuda a salvar vidas

Publicado em 17/06/2023 às 11:47

Compartilhe

Vai-doar-sangue-pela-primeira-vez-Tire-as-principais-duvidas-sobre-esse-ato-que-ajuda-a-salvar-vidas

A nova campanha para conscientização sobre a importância da doação de sangue do Ministério da Saúde tem como mensagem central ‘Quando você doa sangue ajuda a salvar muitas vidas, doe sangue regularmente’. A consultora em hemoterapia da pasta, Priscila Murador, afirma que a doação de sangue pode parecer um ato simples, mas é, na verdade, um grande ato de amor. “Imagine uma situação onde você precisa de sangue para sobreviver e recebe a doação? É assim que uma pessoa acaba sendo vida na vida de outros”, descreve.

Confira informações importantes para quem deseja ser um doador:

  • Como se preparar para doar sangue pela primeira vez?

O doador precisa pesar ao menos 50kg e ter de 16 a 69 anos de idade. A primeira doação precisa ter sido feita até 60 anos para que a pessoa possa doar com 69 anos. É importante que a pessoa faça a doação bem alimentada. Também é bom evitar alimentos gordurosos, caso contrário, é preciso esperar pelo menos três horas para fazer a doação. Ter dormido, no mínimo, seis horas nas últimas 24 horas também é fundamental. Pessoas abaixo dos 18 anos de idade precisam ter o consentimento do responsável legal para poder doar.

  • Quantas vidas uma única doação de sangue pode salvar?

Com uma bolsa de sangue é possível separar quatro diferentes hemocomponentes: concentrado de hemácias, de plaquetas, o plasma fresco congelado e o crioprecipitado. Cada um desses componentes pode ser transfundido em quatro diferentes pessoas. Isso significa que cada doação pode ajudar a salvar até quatro vidas.

  • Quanto tempo dura o procedimento de doação? 

O procedimento tem uma pré-triagem, uma triagem clínica e, em seguida, vem o procedimento de doação, que gira em torno de 30 a 40 minutos.

  • Quem teve Covid-19 pode doar sangue? 

Quem teve a doença precisa estar atento a algumas restrições. Se essa pessoa teve contato com outra com sintomas da Covid-19, ela tem que aguardar sete dias para fazer a doação. Se ela teve a doença, então deve esperar dez dias após o final dos sintomas. 

  • Existem diferenças no intervalo de doações para homens e mulheres?

Para pessoas designadas mulher ao nascer, o intervalo entre as doações é de três meses, com um máximo de três doações ao ano. Já para pessoas designadas homem ao nascer, o intervalo é de dois meses entre uma doação e outra, com máximo de quatro doações por ano. É importante esse máximo de doações ao ano por conta do estoque de ferro que leva um tempo maior para ser reposto no organismo. 

  • Quem tem tatuagens e/ou piercings deve esperar quanto tempo para doar? 

O tempo de espera para quem colocou algum desses acessórios ou fez tatuagens é de 12 meses. Mas, em alguns serviços, que têm capacidade de avaliar os locais onde esses piercings e tatuagens foram feitos, esse prazo pode ser reduzido para seis meses.   

  • É possível doar sangue durante o período menstrual? 

No período menstrual, pessoas designadas mulher ao nascer podem doar sangue normalmente, a não ser que tenham alto fluxo ou algum outro problema menstrual. Mas isso vai ser avaliado durante a triagem clínica, antes da doação.

  • Quais cuidados tomar após a doação de sangue? 

O ideal é que a pessoa permaneça no local da doação por pelo menos 15 minutos. Esse é o tempo que ela vai levar para tomar seu lanche e fazer sua hidratação. Também é importante que, quando ela voltar para suas atividades, não exerça tarefas de grande intensidade. Se a pessoa for se deslocar de carro ou moto, é importante que ao primeiro sinal de mal-estar, ela pare o veículo, por segurança.

Nathan Victor
Ministério da Saúde

Foto: Rodrigo Nunes/MS

Veja também

geral-24-06-ft-Divulgacao-Ibama

Servidores federais ambientais iniciam greve

cultura-24-06-ft-Cicecro-italemanha

Preparativos para a Italemanha em ritmo acelerado em Marechal Floriano

geral-24-06-ft-div-gov-es

Recurso emergencial chega a empresas afetadas pelas chuvas no Espírito Santo

brasil-24-06-ft-Reproducao-Twitter-enchente-RS

Nível do Guaíba sobe 23 cm e prefeitura emite alerta para inundações no RS

saude-24-06-ft-freepik-vacina

Saúde reforça importância da vacinação contra sarampo àqueles que vão à Olimpíada de Paris

turismo-24-06-ft-divulgacao-Rota-dos-Queijos

Rota dos Queijos em João Neiva: uma jornada de sabor e tradição

politica-24-06-STF-porte-maconha

STF retoma julgamento sobre porte de maconha para consumo

mundo-24-06-ft-reproducao-portal-ig

Médico brasileiro sobrevive à acidente que vitimou 9 pessoas na Namíbia, incluindo sua esposa