Startups brasileiras investem no mercado pet com serviços de saúde e bem-estar

Publicado em 05/12/2021 às 11:20

Compartilhe

107967


source
Aplicativos oferecem planos de saúde e serviços de banho e tosa.
Allgo / unsplash

Aplicativos oferecem planos de saúde e serviços de banho e tosa.

O Brasil ocupava, em 2019, a 7ª posição do ranking dos países que mais faturaram com o mercado pet, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Produtos Para Animais de Estimação (Abinpet). Por isso, este segmento tem chamado cada vez mais a atenção de empresários do ramo da tecnologia, que criam startups que reúnem serviços em plataformas digitais. 

É o caso das startups Petwell e zazzu, idealizadas com o objetivo de facilitar a rotina dos tutores. Segundo Sergio Furio, empresário e membro da Harvard Angels, as startups são construídas com foco na experiência do consumidor. “É uma vantagem para o cliente, que acaba recebendo um nível de serviço superior ao do mercado tradicional. Além disso, normalmente, isso vem combinado com a tecnologia e dados para aumentar a facilidade e conveniência da contratação dos serviços”, explica.


A Petwell, por exemplo, é um plano de saúde 100% digital. Com ele, é possível analisar um conjunto de planos de saúde e decidir qual se enquadra melhor no orçamento. Além disso, o tutor escolhe o profissional de sua preferência, já que a startup não trabalha com nenhuma rede credenciada. O usuário define o quanto deseja gastar com a mensalidade sem mudar a cobertura do plano. Desse modo, podem escolher entre ter reembolso de 70% a 90% do valor do atendimento e gastar no ano entre R$ 5 mil e R$ 15 mil. 

Leia Também

(Continue a leitura logo abaixo)

Leia Também

“A Petwell parte de uma premissa muito simples: a governabilidade dos tutores. Eles podem escolher onde e com quem querem que seus pets sejam atendidos”,  explica a empresária Ana Luisa G. Gomes Coelho Seleme. “A empresa trabalha orientada por dados. Desde o início da cotação, os dados coletados para a precificação criam preços únicos com base nas características dos pets e preferências de reembolso dos tutores, pois entendemos que cada tutor e cada pet são únicos e não faz sentido termos preços iguais para demandas diferentes”, diz. 

A zazzu, por sua vez, disponibiliza serviços básicos para o bem-estar dos animais, como vacinas, consultas veterinárias e exames, compras em mercados e banho e tosa. “Ao colocar o pet no centro, a empresa oferece serviços como banho, tosa, consultas veterinárias e muitos outros serviços em experiências exclusivas. Para isso, a marca investe em treinamento e capacitação dos parceiros e conta com infraestrutura e tecnologia de ponta para a prestação de serviços, utilizando a plataforma de dados para melhorar a qualidade de vida e a longevidade dos bichinhos”, destaca a empresária Aline Lex. 

Para Ana Luisa, as startups são inovadoras porque trazem inovação aos mercados tradicionais ou trazem soluções para problemas do mercado. “Uma startup tem o cliente no centro do seu negócio, ou seja, seus processos e soluções são pensadas na satisfação e experiência do cliente desde a idealização e implementadas durante toda a jornada de relacionamento com a empresa”, pontua.

Fonte: IG PET

Veja também

© REUTERS/Nacho Doce/Direitos reservados

Benzema tem residência furtada durante jogo do Real Madrid

© Reprodução Twitter/SE Palmeiras

Mundial de Clubes: Fifa prorroga inscrições e Palmeiras ganha tempo

114061

Justiça libera R$ 1,1 bilhão para quem ganhou processo contra a União

114059

Sistema do Banco Central permite saber se algum banco te deve; entenda

114057

Aniversário de São Paulo: confira o que abre e o que fecha amanhã (25)

Crianca-fica-em-estado-gravissimo-apos-ser-atropelada-e-motorista-nao-presta-socorro

Motorista que atropelou criança em Domingos Martins é liberado após pagar fiança

© Reuters/Yves Herman/Direitos Reservados

Ministro diz que não foi informado de recurso contra nota da Conitec

Clube-do-Livro-retoma-suas-

Clube do Livro retoma suas atividades em Domingos Martins