Conteúdo Patrocinado - Marechal Floriano , 05 Abril 2020

Saúde pública de Marechal Floriano a postos para emergências

Diante da ameaça que representa a disseminação do Coronavírus, a secretaria de saúde de Marechal Floriano recomenda que as pessoas apenas procurem os serviços municipais em casos de Emergência, como fraturas graves, febres altas e situações do tipo. Caso contrário, é melhor se resguardar.

O Brasil já registrou mais de 330 mortes provocadas pelo coronavírus (Covid-19). Até a tarde de ontem (03), o Ministério da Saúde havia divulgado a morte de 299 pessoas e 7.910 casos confirmados de coronavírus no Brasil. Entretanto, na noite de ontem, outros casos foram confirmados em alguns estados, como em São Paulo, que registrou mais 20 mortes.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, liderou uma nova reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública, nesta quinta-feira (2), no Palácio Anchieta, em Vitória. Casagrande lançou a campanha “ES Solidário” em que pessoas físicas e jurídicas poderão fazer doações ao Governo do Estado para ajudar no combate ao novo Coronavírus (Covid-19). Todas as instruções estarão disponíveis no Portal do Governo (www.es.gov.br) ou no site do Coronavírus (http://coronavirus.es.gov.br).

Com o aumento no número de casos de dengue no Espírito Santo, a população precisa entender que é parte fundamental no processo de combate ao mosquito Aedes aegypti, devendo colaborar no combate à proliferação dos focos do mosquito, intensificando os cuidados dentro de casa.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, confirmou, na manhã de hoje (02), a primeira morte no Estado por coronavírus (Covid-19). Trata-se de um homem de 57 anos, que estava internado no Hospital Jayme dos Santos Neves, no município de Serra.

Em sua rede social, o governador postou: “É com pesar que informamos que o ES registrou o primeiro óbito por coronavírus, nesta manhã. O paciente estava internado no Hospital Jayme Santos Neves e tinha 57 anos. Às 10 horas, o secretário de Estado da Saúde dará uma entrevista coletiva para passar mais informações”, informou o governador.

Até a noite de ontem (1º), o Espírito Santo contabilizava 120 casos suspeitos de coronavírus, em 16 municípios. Em 64 municípios há casos suspeitos e outros já descartados. Dos 1.823 casos que foram notificados, 1.029 foram descartados.

Dos casos confirmados, 13 pacientes já estão curados, 88 estão em isolamento residencial e 19 estão internados, sendo nove em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Mais de 400 mortes no Brasil

Em todo o Brasil, até a noite de ontem o Ministério da Saúde havia confirmado a morte de 441 pessoas vítimas do coronavirus. Subiu para 6.836 o número de casos confirmados de coronavírus no Brasil. Foram 1.119 novas confirmações em 24 horas.

A maior parte dos óbitos está em São Paulo, que concentra 164 mortes e lidera a lista nacional com 2.981 casos confirmados da doença. Os números estão consolidados com as informações que foram repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde ao Ministério da Saúde até às 14h desta quarta-feira (1).

As mortes estão localizadas nos estados do Amazonas (3), Pará (1), Rondônia (1), Alagoas (1), Bahia (2), Ceará (8), Maranhão (1), Paraíba (1), Pernambuco (8), Piauí (4), Rio Grande do Norte (2), Minas Gerais (3), Rio de Janeiro (28), São Paulo (164), Distrito Federal (3), Goiás (1), Mato Grosso do Sul (1), Paraná (3), Rio Grande do Sul (4) e Santa Catarina (2). Todas as regiões brasileiras têm casos de mortes confirmadas por coronavírus.

O governador Renato Casagrande visitou, nesta quarta-feira (1º), as instalações do Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves (HEJSN), na Serra, que recebe adequações para atender pacientes diagnosticados com o novo Coronavírus (Covid-19). O maior hospital público do Estado é uma das seis unidades de referência no tratamento da doença. Já estão disponíveis 60 leitos de UTI para pacientes que apresentarem a doença. Até o final deste mês, o número de leitos deve chegar a 100. Também estão sendo disponibilizados leitos de enfermaria.

No último domingo (29), a Secretaria da Saúde (Sesa) começou a receber doações de álcool que já estão sendo destinadas às unidades estaduais como hospitais, Centros Regionais de Especialidades, Farmácias Cidadãs Estaduais, além de hospitais filantrópicos, órgãos públicos estaduais e municípios. O material doado será empregado no combate ao novo Coronavírus no Espírito Santo.