Briga de trânsito quase termina em morte em Paraju

Domingos Martins , 12 Agosto 2019

Briga de trânsito quase termina em morte em Paraju

Na noite de ontem (11), por volta das 20 horas, policiais militares foram acionados e se deslocaram para a ES 470, na altura da localidade de Nova Almeida, próximo ao distrito de Paraju, em Domingos Martins, quando um ocupante do veículo Fiat Uno, de cor vermelha, placas MSH-8237, efetuou um disparo de arma de fogo contra dois irmãos que estavam no veículo Ford Ranger XL, placas MTL-0D90.

Briga de trânsito quase termina em morte em ParajuA Polícia Militar foi acionada e, ao chegar ao local, contactou o motorista do carro atingido, que relatou aos policiais que o crime teria acontecido devido a uma suposta fechada no portal de Paraju. Logo após este incidente, o condutor do Fiat Uno, que naquele momento estava com sua família, deixou seus familiares em casa e buscou outros dois homens, que saíram a procura da Ford Ranger.

Foi então que, ao avistar a caminhonete, o homem sentado no banco do carona do Fiat e munido de uma espingarda de pressão, adaptada para realizar disparos de calibre 22, atirou uma vez. O tiro acertou o capô da Ranger e logo em seguida os veículos colidiram. Após a colisão, todos os envolvidos entraram em luta corporal.

Fuga

Depois da briga, os três homens que estavam no Fiat se evadiram do local e adentraram a mata. Mais tarde, o condutor se apresentou ao DPM de Paraju. Os policiais fizeram buscas e encontraram os outros dois ocupantes em um matagal, próximo à casa da mãe de um deles.

Os dois, ainda dentro da mata, foram conduzidos ao local onde haviam escondido a espingarda usada para cometer o delito. Chegando ao local, eles apontaram para onde estava escondida a arma de fogo utilizada. A arma foi encontrada no mato, com um cartucho de calibre 22 deflagrado na câmara.

Embriaguez

Ambos os condutores, segundo o histórico da ocorrência, apresentavam sinais e sintomas de embriaguez alcoólica. Portanto, foram realizados testes de alcoolemia e foi constatado que o condutor da Ford Ranger estava alcoolizado e que o motorista do Fiat Uno não havia ingerido bebida alcoólica. Porém, a CNH deste estava suspensa desde o dia 05 de março de 2019 e, a do condutor do Ford Ranger estava vencida desde de 19 de outubro de 2015.

Os dois motoristas apresentavam lesões corporais e foram atendidos no Pronto Atendimento de Marechal Floriano. Diante dos fatos, todos os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Venda Nova do Imigrante.