Pedal da Mata Atlântica comemora 73º aniversário do Museu Mello Leitão

Publicado em 22/06/2022 às 08:35

Compartilhe

Pedal-da-Mata-Atlantica-comemora-73o-aniversario-do-Museu-Mello-Leitao

No próximo domingo (26) o Instituto Nacional da Mata Atlântica (INMA) realiza o passeio ciclístico “Pedal da Mata Atlântica”, para celebrar o aniversário do Museu de Biologia Prof. Mello Leitão, que completa 73 anos. O passeio integra a programação da XXXI Festa do Imigrante Italiano, que marca a “Data do Reconhecimento do Município de Santa Teresa como Pioneiro da Imigração Italiana no Brasil”.

Para participar do Pedal da Mata Atlântica, é preciso fazer inscrição no formulário eletrônico. O Pedal é gratuito, aberto a todos. A saída é às 8 horas, no Museu Mello Leitão, e o trajeto é até a Estação Biológica Santa Lúcia, a oito quilômetros de distância, retornando ao Museu.

O Museu de Biologia Prof. Mello Leitão foi fundado pelo naturalista Augusto Ruschi, em 1949. O nome escolhido por Ruschi foi uma homenagem ao zoólogo Cândido Firmino de Mello Leitão, a quem Ruschi devotava grande respeito, admiração e gratidão. Professor do Museu Nacional, Mello Leitão abriu as portas da instituição a Ruschi, onde o cientista exerceu parte de sua carreira.

O MBML detém importantes coleções científicas para os estudos da biodiversidade da Mata Atlântica. Atualmente, o MBML é uma unidade do Instituto Nacional da Mata Atlântica (INMA), vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Um dos animais da Mata Atlântica a que Ruschi dedicou-se foi o beija-flor. Seus estudos tornaram a espécie Lophornis magnifica conhecida no mundo inteiro. Símbolo do MBML, o beija-flor topetinho vermelho tornou-se também o símbolo de Santa Teresa, cidade situada na região serrana do Espírito Santo, no coração da Mata Atlântica.

A instituição criada por Augusto Ruschi na propriedade doada por sua família foi incorporada pela Fundação Nacional Pró-Memória (FNPM), da Secretaria da Cultura do Ministério da Educação e Cultura, em 1983, concretizando vontade do próprio Ruschi, para garantir a continuidade de seu trabalho. Na nova vinculação, Ruschi foi seu primeiro diretor e permaneceu até sua morte, em 3 de junho de 1986. Seu corpo foi sepultado, a pedido dele, na Estação Biológica de Santa Lúcia, em Santa Teresa, onde realizou parte de seus estudos. Em 2014, o MBML foi transferido para a estrutura do MCTI, com a criação do INMA.

Reconhecido pela UNESCO, o MBML é considerado um Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica em função de suas atividades nos campos da proteção da biodiversidade e do desenvolvimento do conhecimento científico sobre a Mata Atlântica. Os Postos Avançados são “vitrines” da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, realizando de forma permanente atividades de conservação, desenvolvimento sustentável e produção de conhecimento.

Pedal da Mata Atlântica

73º Aniversário do Museu de Biologia Prof. Mello Leitão e XXXI Festa do Imigrante Italiano

Fonte: Assessoria de Imprensa do INMA

Veja também

Vacinacao-contra-a-gripe-e-ampliada-para-toda-populacao-capixaba

Vacinação contra a gripe é ampliada para toda população capixaba

Festival-de-Inverno-de-Domingos-Martins-tera-oficina-inedita-de-Orquestra-de-Papel-para-criancas

Festival de Inverno de Domingos Martins terá oficina inédita de Orquestra de Papel para crianças

EDP-alerta-para-cuidados-com-a-rede-eletrica-durante-as-festas-juninas

EDP alerta para cuidados com a rede elétrica durante as festas juninas

cadastros-ativos-m

Espírito Santo alcança três mil empreendimentos regulares no Cadastur

Acoes-previstas-no-Programa-Caminhos-do-Turismo-comecam-a-ser-realizadas

Ações previstas no Programa Caminhos do Turismo começam a ser realizadas

De-forma-gratuita-cursos-culinarios-sao-ofertados-em-Marechal-Floriano

De forma gratuita, cursos culinários são ofertados em Marechal Floriano

Meses-apos-Sao-Bento-de-Urania-ser-prejudicado-por-fortes-chuvas-rodovia-estadual-continua-com-buracos-e-barrancos

Meses após São Bento de Urânia ser prejudicado por fortes chuvas, rodovia estadual continua com buracos e barrancos

Marechal-Floriano-ganha-Academia-de-Historia-Artes-e-Letras

Marechal Floriano ganha Academia de História, Artes e Letras