Pastor desarma atirador e impede tragédia em igreja dos EUA; assista ao vídeo

Publicado em 09/11/2021 às 18:21

Compartilhe

104210


source
Pastor impede tiroteio em igreja
Reprodução/Twitter

Pastor impede tiroteio em igreja

Um homem que assistia a um culto na Igreja Pentecostal Nashville Light Mission, localizada no Tennessee, nos Estados Unidos , sacou a arma no local e se dirigiu ao altar onde as orações estavam acontecendo. Os fiéis ficaram assustados e, sem que Dezire Baganda percebesse, um dos pastores , Ezekiel Ndikumana, o atacou por trás e conseguiu tirar o revólver da mão do rapaz de 26 anos.

O momento foi gravado pelas câmeras de segurança do local. O homem se levantou rapidamente e apontou a arma em direção às pessoas. De acordo com o portal USA Today , nenhum tiro foi disparado e ninguém ficou ferido.

O suspeito, segundo o jornal, enfrenta 15 acusações de agressão e o departamento policial da região acredita que mais vítimas devem aparecer após o caso ganhar repercussão. 

Baganda foi preso e tem uma fiança estipulada em cerca de US$ 375 mil (mais de R$ 2 milhões). De acordo com a polícia, ele não fazia parte do grupo de fiéis, mas já teria ido a alguns cultos da igreja.

Leia Também

Nzojubugami Noe, um dos presentes no incidente, disse ao  The Tennessean que “Deus estava presente no local e cuidou dele” e dos outros durante o ocorrido.

Assista ao momento:


Fonte: IG Mundo

Veja também

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes

107939

Subida dos juros deve provocar desaceleração na economia, diz Guedes

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil

107935

Em relatório preliminar, deputado destina R$ 16,2 bilhões para orçamento secreto

107933

Nova proposta de reforma trabalhista quer proibir motoristas de app na CLT

107931

Pais de autor de massacre em escola de Michigan são presos

107929

Biden e Putin farão reunião sobre tensões na Ucrânia

© Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Brasileiros devem redobrar cuidados no verão contra câncer de pele