Para liberar Auxílio Brasil, Pacheco quer votar PEC dos Precatórios em 17 dias

Publicado em 13/11/2021 às 12:20

Compartilhe

104949


source
Para liberar Auxílio Brasil, Pacheco quer votar PEC dos Precatórios em 17 dias
Reprodução / Twitter @rpsenador

Para liberar Auxílio Brasil, Pacheco quer votar PEC dos Precatórios em 17 dias

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, está em Portugal participando de evento sobre agronegócio e sustentabilidade e declarou que sua intenção é acelerar a tramitação da PEC dos Precatórios, atualmente na CCJ do Senado. Ele acredita que o texto pode ser votado em dois turnos até o fim de novembro.

A proposta foi enviada ao Congresso em agosto, e já foi aprovada pela Câmara dos Deputados. O texto libera um arcabouço de R$ 90 bilhões para pagamentos do Auxílio Brasil, que substitui o Bolsa Família, no valor de R$ 400 até o dezembro de 2022. 

“Eu acredito que, no curso do mês de novembro, nós possamos apreciar [a PEC] na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e apreciar em plenário, em dois turnos, no Senado”, declarou Rodrigo Pacheco nesta sexta ao g1.

O presidente do Senado disse que pode alterar pontos sensíveis do texto, como a mudança do cálculo do teto de gastos públicos. “É uma mudança que vamos avaliar”, disse.

Em caso de alteração, a PEC volta para apreciação da Câmara antes de seguir para sanção presidencial.

Leia Também

Às vésperas da votação da PEC dos Precatórios na Câmara dos Deputados, o governo Bolsonaro liberou para parlamentares, em apenas dois dias, cerca de R$ 900 milhões em  emendas de relator , verba sobre a qual não há transparência nas indicações.

Desse montante, o partido que mais se beneficiou foi PSD, do senador Rodrigo Pacheco , segundo investigação do jornalista André Spigariol, do Brazilian Report. Ao todo, a legenda levou R$ 145 milhões entre os dias 28 e 29 de outubro.

O senador é responsável por pautar a proposta no Plenário. Pacheco também ajudou na escolha do líder do governo no Senado,  Fernando Bezerra, para relatar a proposta na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Casa.

Bezerra disse que o presidente da CCJ, Davi Alcolumbre, deve pautar a proposta no dia 24 de novembro. 

Veja também

© Washington Alves/COB/Direitos Reservados

Basquete: Brasil derrota Chile nas Eliminatórias da Copa do Mundo

© Marcello Casal JrAgência Brasil

Covid-19: ministro anuncia proibição de voos oriundos de seis países

© Felipe Oliveira/EC Bahia/Direitos Reservados

Brasileiro: Bahia derrota Grêmio por 3 a 1 e deixa Z4

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

© Fernando Brito/MS

Fiocruz pede inclusão de BioManguinhos como produtor de IFA nacional

106933

Chineses ignoram governo e usam criptomoedas para mandar dinheiro para o Japão

106931

INSS: Normas temporárias para concessão de auxílio é constitucional, decide STF

106929

Campos Neto diz que inflação vai melhorar a partir de 2022