Marechal Floriano promove “Dia D” de multivacinação contra gripe e dengue

Publicado em 05/04/2024 às 15:29

Compartilhe

saude-05-04-ft-pmmf

Texto: Bruno Caetano/ Foto: PMMF

A Prefeitura de Marechal Floriano, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), está organizando o “Dia D” de multivacinação contra o vírus influenza (gripe) e a dengue. A campanha está marcada para o próximo sábado (06), na Unidade de Saúde de Rio Fundo, e será estendida para outras unidades de saúde no dia 13 de abril, nas unidades de saúde Cézar de Vello Puppim, Santa Rita, Santa Maria, Araguaya, Soído e Victor Hugo.

Durante o Dia D, os moradores terão a oportunidade de receber vacinas e atualizar seus cartões de vacinação com todos os imunizantes disponíveis pelo Programa Nacional de Imunização. Esta iniciativa visa fortalecer a imunidade da comunidade contra doenças que representam riscos à saúde pública.

Segundo dados divulgados pela Secretaria de Saúde do município, até o dia 23 de março, apenas 29,02% do público-alvo havia recebido a vacina contra a dengue. Das 1.127 doses estabelecidas como meta, foram aplicadas 284 doses. O número acende um alerta para o município que segue em alta incidência de casos da doença. No último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (SESA) foram notificados 206 casos de dengue em Marechal Floriano.

Com enfoque nos grupos prioritários, a vacinação contra a influenza (gripe) é direcionada a crianças com idade entre 6 meses e menos de 6 anos, gestantes, puérperas e idosos com 60 anos ou mais. Esta é uma excelente oportunidade para assegurar a imunização desses grupos vulneráveis contra a influenza, contribuindo para a redução do impacto da gripe na saúde pública.

As doses da vacina contra a dengue estarão disponíveis para crianças e adolescentes com idades entre 12 e 14 anos. O atendimento será realizado por ordem de chegada, sendo necessário que os responsáveis estejam acompanhados do cartão de vacinação da criança.

A Secretaria de Saúde do município divulgou que pessoas que manifestaram sintomas de doença febril aguda ou que tenham sido diagnosticados com dengue nos últimos seis meses não devem receber a vacina e devem buscar atendimento em uma unidade de saúde próxima.

Veja também

mundo-13-06-ft-reproducao-internet

Ferida no Líbano diz ter deixado o Brasil após agressão do marido

politica-13-06-Alex-Ferreira-Camara-dos-Deputados

PL que iguala aborto a homicídio tem 78% de rejeição no site da Câmara

policia-13-06-ft-policia-civi-MF-roubo-casal

Casal detido em Marechal Floriano disse que anjo os orientou a praticar furtos em residências

saude-13-06-ft-sesa

Hospital Estadual Central recebe placa comemorativa do selo Diamond pela excelência no tratamento do AVC 

politica-13-06-Helio-Filho-Secom

Armazéns do Porto de Vitória ganham projeto de requalificação

esporte-13-06-ft-gov-es-selecao-capixaba-handebol

Seleção capixaba de handebol disputa Campeonato Brasileiro Cadete

cultura-13-06-ft-gov-es

VII Festival de Leituras Dramáticas Capixabas agita Cachoeiro

saude-13-06-ft-Criar-Comunicacao-Integrada-medico

Mais de 50 médicos do Espírito Santo respondem por processo no CRM