Maranhão antecipa dose de reforço da vacina contra covid-19

Publicado em 07/12/2021 às 19:21

Compartilhe

© Douglas Junior/MTur


O governo do Maranhão reduziu de cinco para quatro meses o intervalo mínimo necessário para aplicação da dose de reforço da vacina contra a covid-19. A decisão vale para todas as pessoas com 18 anos ou mais que já tenham completado o esquema vacinal básico (primeira e segunda doses).

Em nota, o governo maranhense informou que o imunizante usado deverá ser preferencialmente o da Pfizer. Caso não seja possível, doses da AstraZeneca e da Janssen também poderão ser aplicadas como reforço, independentemente do esquema vacinal primário.

De acordo com o comunicado, a antecipação da terceira dose se deu por conta da confirmação de casos da variante Ômicron no país.

O último levantamento do Ministério da Saúde aponta seis casos – três em São Paulo, dois no Distrito Federal e um no Rio Grande do Sul. Há ainda um caso em investigação em São Paulo.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Saúde

Veja também

© José Cruz/Agência Brasil

Crianças sem comorbidades podem se inscrever para xepa de vacina em SP

113100

Banco do Brasil realiza leilão de imóveis a partir de R$ 13 mil

© Lucas Figueiredo/CBF/Direitos Reservados

Primeira fase da Copa do Brasil tem confrontos definidos por sorteio

© Reprodução Twitter/Palmeirs

Copinha: Palmeiras passa às quartas após eliminar Inter, atual campeão

Secretaria-de-Meio-Ambiente

Secretaria de Meio Ambiente bate recorde de licenças em Domingos Martins

113089

Após erupção, Tonga pode ficar 2 semanas sem acesso à internet

113087

Sonha em trabalhar na Disney? Empresa tem vagas abertas no Brasil

113085

Ade Sampa oferece qualificação empreendedora totalmente gratuita