Investidor estrangeiro x Brasil: saiba por que estão “fugindo” da Bolsa

Publicado em 08/11/2021 às 17:20

Compartilhe

103952


source
Investidor estrageiro x Brasil: saiba o motivo da perda de interesse

A participação do Brasil nas carteiras estrangeiras registrou uma quantidade mínima histórica. Isso em razão, principalmente, da grande aversão dos investidores estrangeiros aos riscos do país, junto com a expectativa de alavanca de juros nos Estados Unidos .

Desse modo, levando em consideração os fundos dedicados aos mercados emergentes, o Brasil detém uma parcela preocupante de 5,1% atualmente. Dado que, em 2011, no ápice da participação do país nas carteiras de investidores estrangeiros, era de 16,4%.

Além disso, segundo o relatório do BTG Pactual, em fundos globais que adquirem ações do mundo inteiro, o Brasil representa uma parcela de apenas 0,23%. Uma vez que, em 2009, atingiu 1,94% de participação.

Já em fundos da América Latina, o Brasil chegou a atingir uma participação menor que a atual. Então, mesmo tendo a menor porcentagem desde 2019, cerca de 60,36%, ele se encontra melhor nessas proporções.

Leia Também

Compilado de fatores

De acordo com a chefe de economia da corretora Rico, Rachel de Sá, a retirada de investimentos nacionais na carteira dos estrangeiros é fundamentada em uma série de fatores domésticos. Bem como, aumento expressivo de taxas de juros e furo do teto de gastos.

Logo, Rachel destaca que agora inicia um processo de redirecionamento. Visto que era muito comum aumentarem os investimentos com maiores riscos em um cenário em que o juros estavam baixos, agora a situação é outra.

Portanto, o cenário interno do país tem colaborado diretamente para o afastamento dos investidores estrangeiros. Para Paloma Brum, analista da Toro Investimentos, um destaque foi a quebra da regra do teto dos gastos, que não foi bem vista no mercado.

Leia Também

“A quebra da regra do teto dos gastos não foi bem avaliada. Uma das leituras é de que se o governo quebra uma regra, isso pode ocorrer com outras”, destaca Paloma Brum.

Saiba mais em 1Bilhão , parceiro do iG.

Veja também

© Washington Alves/COB/Direitos Reservados

Basquete: Brasil derrota Chile nas Eliminatórias da Copa do Mundo

© Marcello Casal JrAgência Brasil

Covid-19: ministro anuncia proibição de voos oriundos de seis países

© Felipe Oliveira/EC Bahia/Direitos Reservados

Brasileiro: Bahia derrota Grêmio por 3 a 1 e deixa Z4

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Não há casos da nova variante identificados no Brasil, diz ministério

© Fernando Brito/MS

Fiocruz pede inclusão de BioManguinhos como produtor de IFA nacional

106933

Chineses ignoram governo e usam criptomoedas para mandar dinheiro para o Japão

106931

INSS: Normas temporárias para concessão de auxílio é constitucional, decide STF

106929

Campos Neto diz que inflação vai melhorar a partir de 2022