Homem é resgatado após passar 54 horas preso em uma caverna no Reino Unido

Publicado em 09/11/2021 às 13:20

Compartilhe

104101


source
Mais de 240 pessoas estiveram envolvidas no resgate
Reprodução

Mais de 240 pessoas estiveram envolvidas no resgate

Um homem de 40 anos foi resgatado na noite de ontem (8), após ficar 54 horas preso em uma caverna no Reino Unido. A vítima saiu do local com ferimentos e está hospitalizada. 

Segundo veículos locais, o homem é espeólogo, profissional que estuda cavernas. Ele caiu no último sábado (6), e ficou preso a 300 metros abaixo das montanhas de Brecon Beacons. A caverna é a terceira mais longa da Grã-Bretanha.

O resgate foi solicitado por um companheiro da vítima, que conseguiu entrar em contato com os socorristas. Foi preciso cerca de 240 pessoas e 8 equipes de resgate para operação. 

Peter Francis, porta-voz da South & Mid Wales Cave Rescue Team, disse que foi resgate mais longo que eles já fizeram. “O espeleólogo teve muito azar aqui. Ele é um espeleólogo experiente, um espeleólogo apto. E era uma questão de colocar o pé no lugar errado”, explicou. 

A vítima foi encaminhada para o hospital com a mandíbula quebrada e pequenas lesões na perna e na coluna vertebrada.

Fonte: IG Mundo

Veja também

Crianca-fica-em-estado-gravissimo-apos-ser-atropelada-e-motorista-nao-presta-socorro

Motorista que atropelou criança em Domingos Martins é liberado após pagar fiança

© Reuters/Yves Herman/Direitos Reservados

Ministro diz que não foi informado de recurso contra nota da Conitec

Clube-do-Livro-retoma-suas-

Clube do Livro retoma suas atividades em Domingos Martins

Colunas-Montanhas capixabas-Vida_Saudavel2

Doze alimentos que ajudam a aumentar a imunidade

114042

Tripadvisor revela os melhores destinos de 2022; Brasil está na lista

Quati-que-estava-em-estrada

Quati que estava em estrada movimentada é salvo por artesã em Marechal Floriano

Fim-de-semana-foi-animado-n

Fim de semana foi animado nos campos de areia em Marechal Floriano

© Reuters/Loren Elliott/Direitos reservados

Austrália: Medvedev perde a calma, mas vence e chega às quartas