Flórida: mais de 130 mil casas ainda estão sem energia após furacão

Publicado em 07/10/2022 às 17:00

Compartilhe

Florida

Mais de 134 mil casas e empresas ainda estão sem energia elétrica na Flórida , nos Estados Unidos, oito dias após o furacão Ian atingir a região em 28 de setembro .

Nesta semana, o  presidente norte-americano Joe Biden se reuniu com o governador da Flórida, Ron DeSantis, para avaliar a  devastação causada pelo fenômeno e juntar os esforços federal e estadual para ajudar na recuperação das áreas atingidas.

A energia foi restaurada para a maioria da população após mais de 4 milhões ficarem sem acesso ao serviço na  Flórida e mais de 1,1 milhão nas Carolinas do Norte e do Sul.

De acordo com informações da agência de notícias Reuters , a concessionária Florida Power & Light Co (FPL) disse que espera que a restauração da energia esteja completa até a noite desta sexta-feira (7).

No entanto, a empresa afirmou que milhares de casas no sudoeste do estado ficaram extremamente danificadas, a ponto de não conseguirem receber serviços elétricos com segurança. Os ventos da tempestade chegaram a atingir a região a 241 km/h.

O  furacão atingiu os EUA após uma passagem por Cuba — onde também deixou um rastro de destruição, mortos e milhares sem energia elétrica .

Depois dos danos causados pelo furacão , o governo de Cuba fez um pedido de assistência emergencial ao governo do presidente Joe Biden , de acordo com o Wall Street Journal .

Já em solo norte-americano, o Ian chegou como categoria 4 e com ventos máximos de 240 km/h . A tempestade já deixou mais de 100 mortos na Flórida, estado que mais registrou óbitos em decorrência do Ian .

A  Flórida já vinha se preparando para a chegada do Ian após a passagem por Cuba , tanto que os meteorologistas do país estimavam que o furacão tem capacidade de se tornar um dos mais fortes dos últimos anos.

O governador do estado, Ron DeSantis, declarou estado de emergência em 67 condados e a passagem do furacão deve provocar cortes de energia elétrica. Biden também declarou estado de emergência na Flórida, o que permite liberar fundos de ajuda federal.

De acordo com a Casa Branca, o presidente Joe Biden e a primeira-dama Jill Biden estiveram na Flórida na última quarta (5) para ver a devastação causada pelo Ian. Eles também foram a  Porto Rico, onde milhares de pessoas ainda estavam sem energia duas semanas depois que o furacão Fiona atingiu a ilha .

Fonte: Portal iG

Veja também

geral-22-02-agencia-Brasil

Receita abre consulta a lote residual do Imposto de Renda

brasi-22-02-defesa-civil-RS

Bolsa Família antecipa pagamento para municípios do Espírito Santo e Rio Grande do Sul

policia-22-02-gov-es-drones

Drones ampliam a segurança nos complexos prisionais do Espírito Santo

brasil-22-02-freepik-estudante

Caixa anuncia concurso com mais de 4 mil vagas para todo o Brasil

geral-22-02-freepik-estudante

Fies Social financia até 100% de encargos para estudantes de famílias do CAD Único

esporte-22-02-gov-es

Paratleta capixaba representa o Brasil em Mundial de natação na Austrália

policia-21-02-pces

Polícia Civil prende em flagrante suspeito de homicídio em Conceição de Castelo

policia-21-02-mf

Bicicleta e moto são furtadas e um micro-ônibus é arrombado em bairro de Marechal Floriano