Exploração sexual de crianças e adolescentes é marcado por ações em Marechal Floriano

Publicado em 19/05/2023 às 08:30

Compartilhe

Exploracao-sexual-de-criancas-e-adolescentes-e-marcado-por-acoes-em-Marechal-Floriano

Texto e fotos: Cícero Modolo

O dia 18 de maio é reconhecido no Brasil como Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Essa data está relacionada a um cruel episódio da história do Espírito Santo. A data foi instituída pela Lei Federal 9.970/00, em memória de Araceli Cabrera Crespo, que aos oito anos de idade foi raptada, drogada, estuprada e morta, em 1973, na capital do Estado. O caso ganhou repercussão nacional.

Na manhã da última quinta-feira (18), na praça José Henrique Pereira, em Marechal Floriano, foi realizada a campanha “Faça Bonito”, organizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, por meio do Centro de Referência da Assistência Social (Cras), que tem como objetivo chamar a atenção da sociedade para a importância da prevenção e do enfrentamento à violência sexual praticada contra crianças e adolescentes no Brasil.

A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes. Também esteve presente o vereador Felipe Del Puppo, que falou sobre a importância do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

“Embora seja uma data muito triste, se faz necessário lembrarmos esse dia para abrirmos os olhos da nossa sociedade que prevê que o Estado, a família e todos em geral devem cuidar e proteger os direitos das nossas crianças, e é isso que estamos fazendo aqui hoje. Nós não queremos que isso venha acontecer com nenhuma criança e nenhum adolescente, por isso devemos ficar atentos e acompanhar, principalmente nas redes sociais, observar com quem conversam e se estão fazendo o uso indevido. Nós temos essa responsabilidade de seremos exemplos e de agir contra a violência. Então, essa manifestação nessa manhã, é para pedir a essa população, aos pais que escutem seus filhos, aos professores que escutem os seus alunos, e prestem atenção pois elas estão pedindo socorro”, declarou o vereador Felipe Del Puppo.

Para a secretaria municipal Assistência Social e Direitos Humanos, Simone Lemke Cancellieri a conscientização alusiva é muito importe para prevenção do abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

“Todos os anos essa data é de conscientização, que acontece em todo o Brasil, no combate contra a violência, abuso e exploração sexual infantil. Eu acho que todo mundo sabe um pouquinho da história do 18 de maio e o nosso maior objetivo é conscientizar as pessoas e conseguir mais voluntários para poder ajudar na divulgação dessa ação, que não é uma ação de um dia, isso é todos os dias, porque infelizmente no Brasil, todos os dias uma criança pelo menos é vítima de violência. Então nosso principal objetivo nessa data é conseguir voluntários, e voluntários que nos ajude a levar nossa causa adiante”, destacou Simone Lemke Cancellieri.

Bianca de Souza Santos, subsecretaria de Assistência Social e Direitos Humanos pontou, que a ação é muito importante, pois trata de um tema muito delicado. “Nosso estado infelizmente apresenta altos índices de exploração sexual, e por isso a prevenção deve começar dentro de casa, então é importante que os pais tragam hoje seus filhos para que possamos aplicar as técnicas do Cras, sendo uma delas, a orientação das crianças com relação ao abuso, que infelizmente, muitas vezes começam dentro de casa e é sempre uma abordagem delicada, é uma abordagem didática e temos que passar para as famílias o que não é para ser feito, porque quando acontecem os abusos, muitas pessoas acham que é comum, e é por isso que temos que fazer esse alerta”, disse Bianca.

Durante o evento, a 6ª Companhia Independente da Polícia Militar do ES representada pelo cabo Degen, se fez presente e destacou a importância da ação realizada no município “A ação desenvolvida pelo Poder Público Municipal sob a coordenação do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) é de suma importância para a divulgação e conscientização da sociedade acerca do tema, uma vez que tem-se notado, infelizmente, o aumento dos registros de casos em que há a ocorrência de abuso. É salutar que todos saibam os meios que as instituições governamentais oferecem para prevenir e combater tal ato delituoso bem como a forma de identificar e lidar com a situação”, ressaltou Cabo Degen.

O dia 18 de maio de 2023 completa 50 anos do terrível assassinato da menina Araceli Cabrera Crespo, vítima de violência brutal na capital capixaba. Pelo caso de Araceli e de tantos outros, marcados por violência sexual e crime contra a vida, 18 de maio é a data de luta. Portanto, quem tiver conhecimento de que alguma criança ou adolescente que está sendo, ou já foi, vítima de algum tipo de violência, seja esta física, psíquica ou sexual, denuncie ao disque 100. Só assim será possível acabar com a impunidade.

Veja também

Drymoluber-brazili_ThiagoMarcial-capa-2

Espécies raras de cobras são redescobertas no Espírito Santo depois de décadas

agro-04-03-incaper

Incaper e parceiros vão promover eventos para valorização e empoderamento da mulher rural

capa-coluna-vida-saudavel

Epidemia de obesidade afeta mais de 62,6% das mulheres no Brasil

mundo-04-03-Divulgacao-UNRWA

Israel aceita acordo de cessar-fogo por seis semanas, diz EUA

policia-04-03-Ayrton-Freire-Inter-TV-Cabugi

Fugitivos de Mossoró invadem galpão de fazenda e polícia faz cerco

dengue-ms

Espírito Santo recebe lançamento de campanha nacional contra a dengue

cafe-conefora

Café canéfora tem zoneamento de risco climático atualizado

agropecuaria

Crescimento da economia brasileira é impulsionado pela alta de 15% da agropecuária em 2023