Escola de Cachoeiro de Itapemirim inicia projetos com robótica educacional

Publicado em 16/04/2024 às 10:47

Compartilhe

geral-16-04-ft-gv-es

Foto: Divulgação

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Presidente Getúlio Vargas, Escola do Futuro localizada no município de Cachoeiro de Itapemirim, iniciou o desenvolvimento de projetos que envolvem robótica educacional e pensamento computacional. O objetivo é fazer com que os estudantes sejam protagonistas de seus próprios trabalhos, utilizando recursos digitais e metodologias inovadoras, com a integração da educação STEM (das siglas em inglês de Science, Technology, Engineering e Mathematics).

O primeiro trabalho desenvolvido foi o dado eletrônico. A construção do dispositivo utilizou materiais que envolvem robótica e programação como o microcontrolador Arduino UNO R3, jumpers, protoboard, interruptor, display numérico e resistores. O software Arduino IDE foi utilizado para upload do código, que foi ajustado pelas alunas responsáveis pela montagem.

O professor e coordenador de Inovação, Diego Motta Libardi, é o responsável pela robótica na escola e cita que esse é um pequeno passo inicial, mas fundamental para que a educação dê um salto de qualidade com a utilização das tecnologias digitais e a implementação da educação STEM.

A aplicação do método está inclusa em cinco competências gerais da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e está contemplada nas competências específicas e habilidade do currículo do Espírito Santo. O assunto é uma crescente no Brasil e vai ao encontro dos grandes centros de estudos do mundo.

As alunas Gabrielly Oliveira Ferreira e Ana Clara Torres, da 2ª série do Ensino Médio, tiveram aula de robótica e introdução à programação. Elas viram uma oportunidade de desenvolver trabalhos na área, com a chegada do Programa Escola do Futuro. “Dificilmente podemos fazer esse tipo de trabalho em escolas que não têm os equipamentos necessários. Fazer simulações faz parte do processo, mas executar as montagens na prática é totalmente diferente e motivador”, disse a estudante Gabrielly Oliveira Ferreira.

Escola do Futuro

O Programa Escola do Futuro é uma iniciativa do Governo do Espírito Santo, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), que propõe o desenvolvimento da Cultura Digital por meio de metodologias inovadoras e o uso de tecnologias educacionais no cotidiano escolar.

A Escola do Futuro está inserida num conjunto de ações implementadas pela Sedu para a oferta de uma educação mais atual, integral e inovadora, alinhadas à legislação educacional vigente e com a garantia do pleno desenvolvimento da Base Nacional Curricular Comum (BNCC) e do Currículo do Espírito Santo na Rede Pública Estadual de Ensino. Um dos principais objetivos do Programa Escola do Futuro é colaborar para o desenvolvimento de competências e habilidades relacionadas ao uso crítico e responsável das tecnologias digitais.

Fonte: Governo ES

Veja também

cafes-es

Cafés do Espírito Santo no topo do Prêmio Artesanal de Cafés Especiais Torrados

cafe-conilon

Produção de café conilon deve ser a 3ª maior na série histórica no Espírito Santo

Pesquisa-utiliza-biocarvao-de-casca-de-laranjeira-e-eucalipto-para-filtrar-esgoto

Pesquisa utiliza biocarvão de casca de laranjeira e eucalipto para filtrar esgoto

roberto-kautsky-1

Roberto Anselmo Kautsky: o botânico capixaba que revelou ao mundo a beleza das orquídeas do Espírito Santo

Programa-Saude-na-Escola-leva-conscientizacao-e-cuidados-a-criancas-e-adolescentes-em-todo-Estado

Programa Saúde na Escola leva conscientização e cuidados a crianças e adolescentes em todo Estado

Recorde-nas-exportacoes-do-agro-capixaba-no-1o-quadrimestre-de-2024

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre de 2024

Mulheres-Positivas-abre-periodo-de-indicacoes-para-premio-voltado-a-empreendedoras-no-Agro

Mulheres Positivas abre período de indicações para prêmio voltado à empreendedoras no Agro

brasil-24-05-ft-Rafa-Neddermeyer-abrigo-chuvas-sul

Pessoas físicas doam R$ 35 mi do IR para fundos do Rio Grande do Sul