Empresa se prepara para fechar cratera em estrada estadual de Alfredo Chaves

Publicado em 09/11/2020 às 11:29

Compartilhe

Um barranco gigantesco que cedeu há pelo menos três meses, à margem da estrada que liga a localidade de Ribeirão do Cristo, Alfredo Chaves, à via estadual que leva à esta mesma cidade seguindo pela localidade de Aparecida, será aterrado em breve.

Empresa se prepara para fechar cratera em estrada estadual de Alfredo ChavesResponsáveis por uma empresa que faz serviços para as estradas estaduais “Caminhos do Campo” deverão ter a preferência por estarem próximos e já trabalharem na aparagem de capins nas laterais da via e tapagem dos buracos que surgem durante o movimento de veículos pesados quando chove bastante.

O morador de Aparecida, Geraldo Bubach, afirmou que toda a população local, na maioria de agricultores e sitiantes reclamam da atual situação que se encontra a cratera por onde segue apenas um veículo por vez. “Todos gostaríamos que a estrada estivesse em plenas condições de tráfego, entretanto, aquele local da estrada onde o barranco desabou, está muito perigoso porque há uma curva fechada no sentido Aparecida”, disse.

O sitiante Marcos Lemos, de Vitória, comentou que a estrada está perigosa e somente uma empresa de capacidade, como a de Marechal Floriano, que trabalha sempre nessa região, poderá satisfazer os usuários da via. “Estamos aguardando o serviço para nos dar segurança no tráfego”, disse.

Veja também

© Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

Rio de Janeiro distribui 348,6 mil doses da vacina da Pfizer

97954

App Itaú oferece recarga de Bilhete Único em São Paulo

97952

Banco Central revisa expectativa de inflação para 2022 e ultrapassa a meta

© Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

Vacinação covid-19: Rio de Janeiro distribui doses da Pfizer hoje

Saúde disponibiliza vacina contra meningite para crianças de até dez anos ainda não vacinadas em todo Estado

97946

Geração de empregos é um dos objetivos de plataforma de investimentos em turismo

97944

Crédito consignado pelo INSS ficará mais restrito; entenda

97942

Operação retira quatro funcionários presos em mina da Vale no Canadá