Covid-19: país tem 21,8 milhões de casos e 609,3 mil mortes

Publicado em 06/11/2021 às 20:20

Compartilhe

© 28/10/2021_Fernando Frazão/Agência Brasil


Balanço divulgado neste sábado (6) pelo Ministério da Saúde registra 11.866 novos diagnósticos de covid-19 em 24 horas. O dado eleva para 21.874.324 o número de pessoas infectadas pela doença desde o início da pandemia no país. Ontem (5), o painel de estatísticas marcava 21.862.458 casos acumulados.

As mortes pelo novo coronavírus ao longo da pandemia ultrapassam 609 mil. Em 24 horas, as autoridades de saúde notificaram 328 novos óbitos, totalizando 609.388. Ontem, o painel de informações marcava 609.060 mortes acumuladas.

O balanço apontou também 202.718 pacientes em acompanhamento e 21.061.218 recuperados da doença.

Estados

Os estados com mais mortes são os seguintes: São Paulo (152.516), Rio de Janeiro (68.494), Minas Gerais (55.746), Paraná (40.611) e Rio Grande do Sul (35.628).

Já as unidades da Federação com menos óbitos são Acre (1.845), Amapá (1.993), Roraima (2.035), Tocantins (3.887) e Sergipe (6.033).

Dados covid-19 de 06/11/2021 divulgados pelo Ministério da Saúde Dados covid-19 de 06/11/2021 divulgados pelo Ministério da Saúde

Dados covid-19 de 06/11/2021 divulgados pelo Ministério da Saúde – 06/11/2021/Divulgação Ministério da Saúde

Edição: Paula Laboissière

Fonte: EBC Saúde

Veja também

© Marcos Oliveira/Agência Senado

Senado aprova novas regras para emendas de relator

© Reuteres/Sergio Moraes/Direitos reservados

Comitê recomenda que réveillon no Rio de Janeiro seja mantido

© Bruno Corsino/ACG/Direitos Reservados

Atlético-GO derrota Bahia e se afasta do Z4 do Brasileiro

© Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

SP usará vacina da Pfizer como segunda dose em quem recebeu a Janssen

© Rovena Rosa/Agência Brasil

Covid-19: Brasil tem 22 milhões de casos e 614,3 mil mortes

© Guilherme Mansueto/Magnus Futsal/Direitos Reservados

LNF: Magnus supera Foz Cataratas e vai à final pelo 3º ano seguido

Café em Itarana

Polícia Militar recupera carga de café roubada em Itarana

© Marina Ramos/Câmara dos Deputados

Câmara aprova medidas de transparência e teto para orçamento secreto