Casal detido em Marechal Floriano disse que anjo os orientou a praticar furtos em residências

Publicado em 13/06/2024 às 13:57

Compartilhe

policia-13-06-ft-policia-civi-MF-roubo-casal

Texto: Julio Huber / Fotos: Polícia Civil

Um casal foi preso, em Marechal Floriano, acusado de furtar pelo menos 10 residências em Marechal Floriano, entre 6 de abril e 6 de junho deste ano. A estimativa da Polícia Civil é de que o valor dos produtos furtados pela dupla chegue a R$ 100 mil. Eles justificaram os crimes dizendo que teriam dívidas para pagar, e também que um anjo apareceu em um sonho para a mulher, dizendo que eles teriam uma missão de praticar os furtos.

Dentre os objetos furtados estão televisões de diversas polegadas, coleções de porcelanas, garrafas bebidas, como vinhos e whiskys, perfumes importados, equipamentos eletrônicos, entre outros. O casal é oriundo de Cariacica, mas eles moravam no distrito de Araguaya há cerca de cinco meses. O homem trabalha em um hortifruti e a mulher, que está grávida de sete meses, é monitora de van escolar. A identidade de ambos não foi informada pela Polícia Civil.

O delegado de Marechal Floriano, Luciano Paulino, explicou que após ser constado um elevado índice de registro de furtos na região, como em residências que ficam no Trevo de Paraju, Boa Esperança, Santa Maria e Araguaia, foram iniciadas as diligências nos endereços dos furtos, no intuito de colher informações, compreender a dinâmica empregada, bem como de adquirir as filmagens de vídeo monitoramento dos locais. Assista abaixo o vídeo onde o delegado mostra os produtos dentro da casa do casal.

O casal cortava cercas e quebrava janelas e portas para entrar nas residências. Foi verificado inicialmente que os furtos estavam sendo cometidos por um casal e que eles se deslocavam em uma motocicleta. De posse dessas informações, foi realizado o levantamento dos locais em que a referida motocicleta trafegou, bem como foi identificado um veículo que também foi utilizado na prática dos dois últimos furtos, que era emprestado de um cunhado do homem.

Após diversas diligencias realizadas pelo delegado e sua equipe de policiais da delegacia de Marechal Floriano, foi localizado o proprietário do veículo utilizado em um dos furtos, o que foi fundamental para identificar os autores dos furtos. Diante das informações, os policiais foram até a casa do casal, onde encontraram todos os produtos dos furtos, inclusive alguns estavam sendo usados por eles. Assista abaixo a explicação do delegado, de como foram feitas as investigações.

DÍVIDA E ANJO – O casal preso não tem passagem pela polícia. O homem justificou os furtos dizendo que comprou uma motocicleta e como não estava conseguindo pagar, teve que praticar os furtos. “Eles resolveram rodar pela região durante a noite, identificar residências e praticar os furtos. Como os primeiros furtos deram certo, eles continuaram. Ele disse que iria começara a vender os produtos para pagar suas dívidas”, informou o delegado.

Outra justificativa usada pelo casal foi de que um anjo apareceu em um sonho para a mulher a orientando a praticar os furtos. “O homem disse que a esposa ouviu a voz de um anjo, e que ele teria dito que os dois teriam a missão de furtar determinadas residências e que o anjo apontaria os endereços das residências”, contou o delegado.

O homem ainda falou, em depoimento ao delegado após ser detido, que o anjo disse que o casal teria que causar os prejuízos a essas famílias furtadas, pois os proprietários das casas faziam parte de uma ceita que sequestrava crianças para fazer dezenas de sacrifícios na região. Assista abaixo ao vídeo em que o delegado explica mais sobre essa justificativa do casal.

Como não houve flagrante, já que eles foram presos no último dia 10 e o último furto ocorreu quatro dias antes, eles não ficaram presos, mas segundo o delegado, estão sob observação e monitoramento da polícia.

Veja também

geral-15-07-ft-gov-es-confecao-roupas-unidade-prisional

Unidade prisional confecciona conjuntos em TNT para pacientes em situação de rua

brasil-15-07-ft-Reproducao-Redes-Sociais-PMERJ-eperacao-policial-Rio

Rio tem megaoperação policial em dez favelas na manhã desta segunda

mundo-15-07-ft-Rebecca-DROKE-ataque-Trump

Trump dá primeira entrevista após levar tiro: ‘Deveria estar morto’

geral-15-07-ft-Renan-Louzada-incendio-pedra-azul

Incêndio em Pedra Azul é combatido por equipes dos bombeiros

centro-cirurgico

Centro Cirúrgico 2.0: projeto para otimizar processos e garantir agilidade a quem precisa de cirurgia pelo SUS capixaba

ministerio-da-saude

Ministério da Saúde já realizou mais de 2.600 atendimentos à estados e municípios

selo-artesanal

Curso sobre Selos de Identificação Artesanal será realizado em julho

Em-apenas-7-meses-Mapa-alcanca-recorde-anual-de-aberturas-de-mercado

Em apenas 7 meses, Mapa alcança recorde anual de aberturas de mercado