Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação termina nesta sexta-feira (30)

Publicado em 09/10/2022 às 21:29

Compartilhe

Campanha-Nacional-de-Vacinacao-contra-a-Poliomielite-e-Multivacinacao-termina-nesta-sexta-feira-30

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação de 2022 termina nesta sexta-feira (30). Até o momento, 54,21% das crianças entre um e menores de cinco anos foram imunizadas contra a poliomielite. Apesar do fim da mobilização, todas as vacinas que compõem o Calendário Nacional de Vacinação, incluindo o imunizante que protege contra a pólio, seguem disponíveis para a população brasileira durante todo o ano.

“Essa doença foi erradicada no Brasil em 1994 e nós não queremos mais poliomielite no nosso país. Todos nós sabemos o que precisamos fazer para não termos mais a doença no Brasil. É inaceitável que crianças sofram por doenças que são evitáveis por vacinas e vacinas tão antigas como a da poliomielite”, reforçou o ministro da saúde, Marcelo Queiroga.

Toda a população com menos de cinco anos precisa ser vacinada para evitar a reintrodução do vírus que causa a paralisia infantil. As crianças menores de 1 ano deverão ser imunizadas conforme a situação vacinal para o esquema primário. As crianças de 1 a 4 anos deverão tomar uma dose da Vacina Oral Poliomielite (VOP), desde que já tenham recebido as três doses de Vacina Inativada Poliomielite (VIP) do esquema básico.

O Brasil é uma das referências mundiais em imunização e possui um dos maiores programas de vacinação do mundo. O Programa Nacional de Imunizações (PNI) aplica anualmente uma média de 100 milhões de doses, e o SUS tem capacidade de vacinar mais de um milhão de pessoas por dia em todo o Brasil. A atualização da situação vacinal aumenta a proteção contra as doenças imunopreveníveis, evitando a ocorrência de surtos e hospitalizações, sequelas, tratamentos de reabilitação e óbitos.

Algumas doenças estão eliminadas devido à vacinação, mas a ocorrência de baixas coberturas vacinais pode causar a reintrodução dessas doenças no País, voltando a ser um problema de saúde pública. O Brasil já eliminou cinco doenças com a imunização:

• Poliomielite (paralisia infantil);
• Síndrome da Rubéola Congênita;
• Rubéola;
• Tétano Materno e Neonatal;
• Varíola.

Ministério da Saúde

Veja também

policia-29-02-IG-Reproducao-Instagram

Suspeito de desmanchar carro usado no Caso Marielle é preso pela Polícia Federal

saude-29-02-freepik-mulher-gripe

Saiba a diferença entre os sintomas da dengue e da Covid-19

policia-29-02-Marcelo-Camargo-Agencia-Brasil

Polícia Federal prende mais três suspeitos em nova fase da operação Lesa Pátria

policia-29-02-pm-capa

Polícia Militar prende suspeitos de tráfico de drogas e encontra um pé de maconha em Domingos Martins

geral-28-02-alfredo-chaves-estradas

Estradas precárias em Alfredo Chaves dificultam acesso de moradores a serviços básicos

saude-28-02-PMMF-vacinacao

Marechal Floriano inicia vacinação contra a dengue para crianças de 10 e 11 anos

brasil-28-02-ag-brasil-Juca-Varella

Ministério da Educação divulgou a segunda chamada do Prouni

turismo-28-02-PMDM-pascoa

Coelhinho chega neste final de semana para inaugurar a Festa da Páscoa em Domingos Martins