Bolsonaro vai consultar a equipe econômica para vender Petrobras: “Vontade”

Publicado em 14/10/2021 às 11:21

Compartilhe

100385


source
Presidente está insatisfeito com a estatal por causa de críticas sobre preço dos combustíveis
Sophia Bernardes

Presidente está insatisfeito com a estatal por causa de críticas sobre preço dos combustíveis

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que, em razão das críticas que vem sofrendo pelo aumento do preço do gás de cozinha e dos combustíveis, já estuda a possibilidade de privatização da Petrobras. Em entrevista concedida à rádio “Novas de Paz”, do Pernambuco, Bolsonaro novamente culpou a cobrança do ICMS, imposto estadual, pelo preço da gasolina e se eximiu de culpa.

“Sabe qual o imposto federal no gás de cozinha? Zero. Eu zerei em março ou oabril e mesmo assim aumentou de preço. Essas verdades é que doem para muita gente. É muito fácil (falar): aumentou a gasolina, culpa do Bolsonaro. Eu já tenho vontade de privatizar a Petrobras, tenho vontade. Vou ver com a equipe econômica o que a gente pode fazer”, afirmou Bolsonaro.

A questão do preço dos combustíveis e do gás de cozinha é um ponto recorrente dos discursos do presidente Bolsonaro, que culpa a inflação na cobrança do ICMS pelos governadores. Entretanto, segundo especialistas, o principal responsável pelo aumento do preço dos combustíveis é a desvalorização do real em relação ao dólar.

O ICMS é um imposto cobrado pelos estados e o cálculo é feito com base em um percentual sobre o preço final do combustível ou do gás de cozinha, calculado periodicamente. Quando o preço dos combustíveis aumenta, consequentemente o valor arrecadado com o ICMS também aumenta. Entretanto, a cobrança em si não é responsável pelo aumento.

Leia Também

O real é uma das moedas mais desvalorizadas no mundo em 2021. Isso ocorreu por fatores externos mas também pela situação política e fiscal. O país não conseguiu avançar na agenda de reformas e, durante boa parte do ano, o presidente Bolsonaro atacou outras instituições, sobretudo o Supremo Tribunal Federal.

Durante a entrevista, Bolsonaro afirmou que não deseja interferir na Petrobras, mas destacou que não tem margem de manobra para direcionar o preço.

“Eu não posso, não é controlar, mas melhor direcionar o preço de combustível. Mas quando aumenta, (dizem que) a culpa é minha. Aumenta o gás, a culpa é minha, apesar de ter zerado o imposto federal. Reconheço que não pode zerar o ICMS mas a cobrança não pode ser feita com um percentual sobre o preço na bomba”, afirmou.

Veja também

vacinação

Covid-19: Sexta-feira (03) é dia de vacinação sem agendamento no Centro de Domingos Martins

© Divulgação/IHF/Direitos Reservados

Handebol: em renovação, Brasil larga com vitória no Mundial feminino

© Reuters/Adnan Abidi/Direitos reservados

Jornalista diz que WTA coage Peng Shuai ao suspender torneios na China

© Reprodução/YouTube IPC/Direitos Reservados

Mariana D'Andrea leva prata no Mundial de halterofilismo paralímpico

107684

Senado aprova MP que cria o Auxílio Brasil, financiado pela PEC dos Precatórios

107682

Banco Central lança desafio para melhorar o real digital

107680

Câmara aprova PL que garante alimentação a entregadores de iFood e Rappi

107678

Senado aprova em dois turnos PEC dos Precatórios