Acusado de torturas, general Al Raisi é eleito presidente da Interpol

Publicado em 25/11/2021 às 09:50

Compartilhe

106666


source
General Ahmed Nasser Al Raisi
Redes Sociais/Interpol

General Ahmed Nasser Al Raisi

Alvo de denúncias de torturas na França e Turquia, o inspetor-geral do Ministério do Interior dos Emirados Árabes Unidos, general Ahmed Nasser Al Raisi, foi eleito presidente da Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal) nesta quinta-feira (25), em Istambul.

O presidente da organização tem papel sobretudo honorário e fica no posto por quatro anos; o comando verdadeiro fica por conta do secretário-geral, cargo atualmente ocupado por Jürgen Stock, reeleito em 2019 para mandato de cinco anos.

Organizações de defesa dos direitos humanos e legisladores europeus manifestaram preocupação com a chegada de Al Raisi à presidência da organização. 

“Estamos convencidos de que a eleição do general Al Raisi afetaria a missão e a reputação da Interpol”, escreveram a presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, e três parlamentares europeus.


Leia Também

Brasileiro em cargo-chave

O delegado da Polícia Federal Valdecy Urquiza Júnior será o novo vice-presidente do Comitê Executivo da Interpol. É a primeira vez que um brasileiro ocupa o cargo. O mandato terá duração de três anos.

Valdecy concorreu com candidatos da Colômbia e de Trindade e Tobago. Entre outras atribuições, o Comitê Executivo da Interpol tem a tarefa de definir o orçamento e ditar as regras mundiais em assuntos de polícia e segurança. 

Fonte: IG Mundo

Veja também

© Thais Magalhães/CBF/Direitos Reservados

Seleção feminina encerra temporada com título do Torneio de Manaus

© Samara Miranda/Remo/Direitos Reservados

Copa Verde: Paysandu e Remo empatam em clássico de tempos distintos

© Reuters/Carlos Osorio/Direitos Reservados

Pfizer: 1 milhão de doses chegam ao Brasil hoje

107575

Mega-Sena sorteia R$ 11 milhões nesta quarta; confira as dezenas

107573

EUA têm 10 milhões de vagas, mas não despertam interesse; entenda o porquê

© Edilson Rodrigues/Agência Senado

Plenário do Senado aprova indicação de André Mendonça ao STF

© ONU/Unaids/Divulgação

Atos no Rio marcam Dia Mundial de Luta contra a Aids

© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Anvisa defende transparência e cooperação entre agências reguladoras