7 pontos turísticos de Copenhague, a capital da Dinamarca

Publicado em 02/06/2023 às 09:08

Compartilhe

7-pontos-turisticos-de-Copenhague-a-capital-da-Dinamarca

A capital dinamarquesa é uma das cidades mais surpreendentes da Escandinávia e está repleta de atrações incríveis para quem visita essa região europeia. Os pontos turísticos de Copenhagen trazem à tona a energia dos vikings e a nobreza de uma das mais antigas monarquias do mundo, mas você também pode conhecer modernos espaços com design escandinavo e até uma comunidade hippie. E, se fizer calor durante a viagem, imite a população local e aproveite para nadar no canal que banha a cidade ou pegar o metrô para ir à uma praia no Mar Báltico!

Dicas práticas para sua viagem à Dinamarca

A Dinamarca faz parte do Espaço Schengen europeu, um bloco de países que aboliram os controles de passaportes em suas fronteiras internas. Por esse motivo, é importante checar as informações sobre o ETIAS para viajar à Europa sem visto.

Depois que o Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagens (ETIAS) entrar em operação, será necessário obter uma autorização online para entrar e se locomover pelo Schengen. Isso inclui os países que fazem fronteira com a Dinamarca: Alemanha, Suécia e Noruega — além de muitos destinos europeus que estão entre os favoritos dos turistas brasileiros, tais como França, Espanha, Portugal, Itália e Holanda.

A melhor época para viajar à capital dinamarquesa é entre julho e setembro, os meses mais quentes do ano naquela região. Junho também pode ter temperaturas amenas, mas costuma ser chuvoso. E atenção: ainda que o Euro seja aceito em muitos estabelecimentos em Copenhague, a moeda oficial da Dinamarca é a coroa dinamarquesa (DKK).

Pontos turísticos de Copenhague

Copenhague tem atrações para todos os gostos: parques, palácios, museus, lojas charmosas, contrastes arquitetônicos, passeios de bicicleta, festivais… e uma imperdível cena gastronômica. Estes são apenas alguns exemplos de lugares que você pode visitar na capital da Dinamarca:

1. Nyhavn

O cais do Nyhavz tem o visual icônico de Copenhague, com casinhas coloridas e estreitas às margens do canal, restaurantes ao ar livre servindo lagosta e taças de champanhe a preços promocionais. Quando é verão na Dinamarca (ou se a temperatura subir para faixa dos 17º), também é comum ver pessoas nadando e tomando sol nas calçadas e espaços perto das pontes.

2. Den Bla Planet

Conhecido como Planeta Azul (Den Bla Planet), o Aquário Nacional da Dinamarca é o maior e mais moderno aquário da Europa. Ele fica nos arredores da cidade, mas é considerado um ponto turístico de Copenhague pois está a menos de 10 km do centro. Sua arquitetura arrojada chama a atenção na orla de Oresund e foram os pesquisadores de lá que encontraram a água viva gigante no litoral de Helsingor, noticiada aqui no site.

3. Parque Tivoli

O Tivoli encanta crianças e adultos com seus brinquedos de parque de diversões que teriam servido de inspiração para Walt Disney criar a Disneylândia. Com uma deliciosa área para piqueniques e projeções de cinema ao ar livre, além do famoso show de fogos à noite, certamente, esta é uma atração que fica gravada na memória.

4. Palácios de Copenhagen

Apesar de adotar o regime parlamentarista, a Dinamarca é uma monarquia constitucional. Isso explica por que há tantos palácios em Copenhagen. A capital do país abriga quatro palácios reais: Fredriksberg (onde fica a famosa “igreja de mármore”, Christiansborg, Rosenborg e Amalienborg (a residência de inverno da família real dinamarquesa, onde mora a Rainha Margarethe II).

5. Passeio do Castelo de Rosenborg à estátua da Pequena Sereia

O Castelo de Roseborg ocupa parte da área de um belíssimo jardim localizado no centro da cidade e a uma rápida caminhada até Langeline, onde fica a estátua da Pequena Sereia. O monumento é inspirado na obra de Hans Christian Andersen, ilustre autor dinamarquês, e está em uma pedra dentro d’água, em frente a ilha de Kastellet, uma fortaleza em formato de pentágono onde acontecem muitos shows e eventos culturais.

6. Freetown Christiania

Localizada no bairro de Christianshavn e cercada por paredes grafitadas, a comunidade de Christiania é uma das maiores curiosidades de Copenhague — instituída como uma espécie de “distrito alternativo”, onde os carros não entram e há uma atmosfera liberal em relação à cultura da cannabis.

7. Torvehallerne

Mesmo com o premiadíssimo restaurante Noma prestes a fechar, você não precisa jantar no “melhor restaurante do mundo” para experimentar diferentes versões da gastronomia dinamarquesa (e mundial). Basta visitar o mercado de Torvehallerne, que já se consolidou como um dos principais pontos turísticos de Copenhague.

Veja também

geral-22-02-agencia-Brasil

Receita abre consulta a lote residual do Imposto de Renda

brasi-22-02-defesa-civil-RS

Bolsa Família antecipa pagamento para municípios do Espírito Santo e Rio Grande do Sul

policia-22-02-gov-es-drones

Drones ampliam a segurança nos complexos prisionais do Espírito Santo

brasil-22-02-freepik-estudante

Caixa anuncia concurso com mais de 4 mil vagas para todo o Brasil

geral-22-02-freepik-estudante

Fies Social financia até 100% de encargos para estudantes de famílias do CAD Único

esporte-22-02-gov-es

Paratleta capixaba representa o Brasil em Mundial de natação na Austrália

policia-21-02-pces

Polícia Civil prende em flagrante suspeito de homicídio em Conceição de Castelo

policia-21-02-mf

Bicicleta e moto são furtadas e um micro-ônibus é arrombado em bairro de Marechal Floriano