Acusado de assassinato em Laranja da Terra é preso em Rondônia

O tempo passou, mas a morte de Elmo Rodrigues, o Caiau, ocorrido no ano de 2009 não saiu da memória da população de Laranja da Terra, região serrana do Estado. Desde então ninguém teve notícias do acusado, mas a pergunta ficou: Por onde anda o assassino? Na última quarta-feira (14), o Fórum de Laranja da Terra recebeu o comunicado da prisão de José Puphal Filho, ocorrido em Alta Floresta (RO).

Numa tarde de domingo do ano de 2009, Elmo Rodrigues, o Caiau, e José Rodrigues Puphal Filho, participavam de uma festa em um popular bar de Laranja da Terra, quando uma discussão entre ambos culminou com a briga fatal. De acordo com a Polícia, José Rodrigues se armou de uma faca e rasgou a barriga de seu desafeto, o popular Caiau, que chegou a ser socorrido, mas morreu em uma unidade hospitalar.

O acusado desapareceu e até então ninguém sabia de seu paradeiro. De acordo com o escrivão Jhone Seibel, o processo ficou suspenso já que os envolvidos não puderam estar na presença da justiça. Na época o dono do bar foi ouvido e a justiça expediu um Mandado de Prisão, que foi cumprido na última quarta-feira (14) na cidade de Alto Floresta no estado de Rondônia (RO). Com a prisão de Puphal, o processo começa a tramitar.

José Puphal foi preso pela PM às 13 horas na Avenida Amapá, centro de Alto Floresta, próximo de um Posto de Combustível. Os policiais chegaram até o acusado de crime qualificado por meio de denúncias anônimas ao Disque Denúncia (190). Após a prisão, José Puphal Filho foi conduzido para a cadeia pública de Alta Floresta, (RO), onde ficará à disposição da justiça.